Brasília-DF,
22/SET/2017

A três meses da Copa, Ronaldo será estrela do Carnaval de São Paulo

"Estou muito feliz pelo fato de Ronaldo ter sido escolhido para o enredo deste ano. Tem tudo a ver com o Corinthians", disse à AFP Rosina Chiapetta

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
France Presse Publicação:26/02/2014 18:30
'É o nosso Fenômeno, nosso ídolo, amamos ele', gritam em coro várias crianças da escola (Reinaldo Marques/TV Globo)
"É o nosso Fenômeno, nosso ídolo, amamos ele", gritam em coro várias crianças da escola

São Paulo
- O clima de Copa do Mundo vai contagiar o Carnaval de São Paulo, com o enredo da escola de samba Gaviões da Fiel, que homenageia o ex-craque Ronaldo 'Fenômeno'.

Não é por acaso que a homenagem veio da escola que representa a maior torcida organizada do Corinthians, último clube do atacante, que vestiu a camisa do 'Timão' de 2009 a 2011.

"Estou muito feliz pelo fato de Ronaldo ter sido escolhido para o enredo deste ano. Tem tudo a ver com o Corinthians, com a nossa história, é um homem encantador", disse à AFP Rosina Chiapetta, de 42 anos, que vai desfilar pela agremiação.

"É o nosso Fenômeno, nosso ídolo, amamos ele", gritam em coro várias crianças da escola durante um ensaio realizado no Sambodromo do Anhembi. "Vi todos os jogos dele", disse um menino à AFP.

Depois da carreira vitoriosa nos gramados, o maior artilheiro das Copas do Mundo atua hoje nos bastidores, como membro do conselho de administração do Comitê Organizador do Mundial que começa em junho no Brasil.

Dos subúrbios do Rio à glória no futebol

O samba-enredo retrata a trajetória do jogador, que nasceu há 37 anos em Bento Ribeiro, no Subúrbio do Rio de Janeiro e conquistou a glória nos campos do mundo todo antes de encerrar a carreira na capital paulista. O refrão compara o 'Fenômeno' a um 'passarinho'. "Bateu asas e voou. O menino passarinho se transformou. Consagrado no cenário mundial. Ronaldo, fenomenal!"

O desfile contará nas suas alas e carros alegóricos os momentos marcantes da carreira do craque que se consagrou como um dos maiores atacantes da história do futebol.

A história começa no primeiro título mundial, em 1994, nos Estados Unidos, aos 17 anos, quando sequer entrou em campo, e segue na Europa, onde conquistou inúmeros títulos e premiações com as camisas de PSV Eindhoven, Barcelona, Inter de Milão, Real Madrid e Milan.

O auge foi em 2002, no Japão e na Coreia do Sul, quando se recuperou de graves lesões para voltar ao topo e ser o grande destaque do quinto título do Brasil em Copas, com oito gols marcados. É justamente com o herói do Penta que a Gaviões também que ser campeã pela quinta vez, no Carnaval de São Paulo

"É uma homenagem a este grande orgulho brasileiro. Vamos contar a história em verso e prosa, carnaval e fantasia, a história desse menino que ganhou o mundo", contou o carnavalesco Zilkson Reis.

Trabalho 24h por dia, a todo vapor

O desfile, marcado para sábado, reunirá 4 mil pessoas, sendo que o próprio Ronaldo desfilará no último carro alegórico. No total, são cinco carros, alguns com mais de 15 metros de altura.

Dentro do barracão da escola, localizado na zona norte da capital paulista, centenas de pessoas enfrentam um calor infernal e trabalham dia e noite para finalizar os preparativos.

Soldar, pintar, cortar, costurar... São dezenas de tarefas para retratar com brilho a história do craque. "Espero que Ronaldo goste da nossa homenagem", comentou à AFP Simone Huk, fiel torcedora corintiana, que trabalha nos preparativos do carnaval da Gaviões há três anos.

Sentada na frente de um enorme ventilador, ela costura com paciência metros e metros de tecido dourado. "Trabalhamos muito duro, mas a emoção de ver tudo isto pronto no desfile é muito, muito grande", disse a costureira suspirando.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.