Brasília-DF,
23/SET/2017

Unidos da Ilha leva brincadeira e fantasia ao sambódromo

Escola fará da avenida uma grande farra, com brinquedos e jogos como peteca e pião. Objetivo é relembrar a infância

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Julia Chaib Publicação:03/03/2014 22:48Atualização:04/03/2014 00:43


 (REUTERS/Pilar Olivares )
Segunda a entrar na Sapucaí nesta noite, a União da Ilha do Governador mexe com o imaginário do público num desfile que já dura quase uma hora. Já passaram pela avenida brinquedos como Emília e Visconde de Sabugosa, Pinóquio e até os de filme de terror, a exemplo de "Chuck, o boneco assassino".

 

Quebra-cabeça, um grande cubo mágico e outros elementos colorem a apresentação. A escola também leva ao desfile um carro chamado Loja de Brinquedos e um setor sobre jogos de competição. A Unidos da Ilha teve dificuldades para colocar dois de seus carros na avenida.

 

Com o enredo É brinquedo, é brincadeira; a Ilha vai levantar poeira, a escola entrou na avenida para levar ao desfile uma reflexão sobre uma das fases mais importantes da formação das pessoas. Com essa intenção, a agremiação quer conta a história dos brinquedos do século XVI até hoje e levar doces e fantasia à avenida.

 (REUTERS/Sergio Moraes )


No entanto, um dos carros, batizado de "Brincando com a tecnologia", teve um problema. Em um determinado momento do desfile uma TV gigante de led que era levado pela alegoria tombou e comprometeu a apresentação da escola.

 

Com 3,8 mil integrantes, divididos em 32 alas, a escola da Ilha do Governador faz um desfile colorido. A escola traz para a avenida a atriz Letícia Spiller e conta também com integrantes vestidas como se fossem bonecas de pano.

A Mocidade Independente abriu a noite na Sapucaí. Após a União, a campeão Vila Isabel entra na avenida, seguida da Imperatriz, da Portela e da Unidos da Tijuca.

 

Ouça trecho do samba-enredo

 

Uniao da Ilha by Correio Braziliense on Mixcloud

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.