Brasília-DF,
05/AGO/2020

'Grande pensadora', Valesca Popozuda quer conhecer professor do DF

A funkeira, em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo, afirmou que deseja conhecer Antonio Kubitscheck

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:15/04/2014 11:48Atualização:15/04/2014 12:01
 ( Luis Xavier de França/Esp. CB/D.A Press)


Após a polêmica envolvendo prova de filosofia aplicada no DF que considerava Valesca Popozuda como "pensadora contemporânea", a funkeira quer conhecer o professor responsável pela questão.

Em entrevista ao jornal Folha de S.Paulo, nesta terça (15/4), ela declarou que deseja conhecer o educador Antonio Kubitscheck. "Quero assistir a uma aula dele. Quem sabe vou treinando para daqui um tempo realmente virar uma pensadora [risos]", afirmou.

Segundo a publicação, a data da visita já foi até escolhida e será em 25 de maio, dia em que Valesca deverá fazer um show na capital federal.

Relembre o caso
Imagens da prova circularam pela internet (Reprodução/Internet)
Imagens da prova circularam pela internet

O professor Kubitscheck aplicou uma prova de filosofia aos alunos do Centro de Ensino Médio 03, em Taguatinga (DF), na qual a cantora foi chamada de "grande pensadora contemporânea". A questão também fazia referência à letras das canções da funkeira, como "Beijinho no ombro".

Uma imagem da prova foi rapidamente compartilhada nas redes sociais e ganhou destaque na imprensa. A repercussão gerou muitas críticas e reflexões a repeito dos métodos educacionais.

O Professor se pronunciou sobre o caso e afirmou que que alcançou o objetivo, que era mesmo causar polêmica. Ele acredita que o ambiente escolar é um local em que é necessário suscitar debates sobre temas polêmicos, para que os alunos pensem além do senso comum.

A funkeira também falou sobre o assunto nas redes sociais. "E se fosse MPB ou uma música americana, que tanto é valorizada por nós? Será que daria a mesma polêmica?", questionou. "Me espanta mesmo é todo mundo se preocupar com uma única questão da prova, sem analisar os termos por trás disso tudo (E se o professor colocou a questão dentro do contexto da matéria? E se o professor quis ser irônico com o sucesso das músicas de hoje em dia?)".

_______

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.
Júlio Albuquerque 15 de Abril às 15:36

Eu, quando propedeutico, secundarista, lia Machado de Assi, Eça de Queiroz, Augusto dos Anjos etc. Não bastasse o nível dos alunos que caiu muito em virtude de leis mal feitas, onde não se pode reprovar nem corrigir um aluno, ainda aparecem professores que ajudam a abaixar ainda mais o nível.

[Denunciar]
Júlio Albuquerque 15 de Abril às 15:33

Por aí dá para se ter uma ideia da decadência do ensino público. Um professor que chega o ponto de dizer que Valesca Popozuda é grande pensadora, afirmação contestada pela própria cantora, de fato, assinou o atestado de ignorância. Ou ele quis aparecer ou ele é no mínimo um incompetente.

[Denunciar]

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES

EVENTOS






OK