Brasília-DF,
19/FEV/2018

Julgamento do cantor Chris Brown por agressão é adiado para quarta-feira

O caso foi adiado para que os advogados possam resolver desacordos em relação ao testemunho do segurança Chris Hollosy

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
France Presse Publicação:22/04/2014 09:08Atualização:22/04/2014 09:13
O cantor e segurança são acusados de agredir o fotógrafo Parker Adams (Lucy Nicholson/Reuters)
O cantor e segurança são acusados de agredir o fotógrafo Parker Adams

Washington
- Um juiz americano adiou para quarta-feira o julgamento da acusação de agressão contra o cantor Chris Brown, previsto inicialmente para esta segunda, depois da condenação de seu guarda-costas no mesmo caso.

O rapper, de 24 anos, compareceu brevemente ao tribunal em Washington, mas o julgamento foi adiado para que seus advogados possam resolver desacordos em relação ao testemunho do segurança Chris Hollosy.

Era esperado que Hollosy testemunhasse a favor de Brown, mas seus advogados não o deixaram falar porque pretendem entrar com um recurso em seu caso, e porque não sabem se a fala de seu cliente lhe concederia imunidade.

Os dois são acusados de agredir o fotógrafo Parker Adams, que tentou fotografar o astro acompanhado de duas mulheres na porta de um hotel, em 27 de outubro de 2013.

O rapper pode ser condenado a seis meses de prisão e uma multa de mil dólares.

_______

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES

EVENTOS






OK