Brasília-DF,
22/SET/2021

Dona de restaurante diz que chegada do inverno garante movimento no local

La Bonee Fondue aposta em fondue, claro, e raclete

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Vinicius Nader Publicação:26/07/2013 06:03

Sônia Fujimoto e raclete: um dos destaques do menu do La Bonne (Viola Júnior/Esp. CB/D.A Press)
Sônia Fujimoto e raclete: um dos destaques do menu do La Bonne

Durante viagens ao exterior e a regiões mais frias do Brasil, que a empresária Sônia Fujimoto se apaixonou por duas delícias franco-suíças: a fondue e a raclete. Por isso, há três anos, ela abriu o restaurante La Bonne Fondue, que também serve pratos como risotos e filés. “Não foi somente o paladar da fondue e da raclete que me conquistou. O ritual também é muito especial. Ficar ali em volta da mesa, fazendo seu próprio jantar e curtindo a companhia dos amigos ou do namorado ou namorada, é bem gostoso. Cada um pode fazer seu tempo”, afirma a empresária, que sempre comemora a chegada do inverno, embora garanta ter movimento o ano inteiro.

O cardápio do La Bonne inclui seis receitas salgadas e quatro doces de fondue. Entre as que se destacam, estão a batizada com o nome do restaurante, que combina lombo, queijo, filé, frango e legumes e é vendida a R$ 118, para duas pessoas, e a de peito de pato com legumes (R$ 114, para duas pessoas). Todas as opções incluem sete molhos escolhidos pelo cliente em uma lista que apresenta, por exemplo, pesto, geleia de gengibre, três mostardas e outros. “Um dos diferenciais da nossa casa é que ela oferece exaustores individuais para cada mesa. Isso impede que a fumaça de uma mesa vá para outra e também para as pessoas que estão naquela mesa”, ressalta Sônia. Entre as opções doces, o destaque é a fondue de caramelo (R$ 39,90).

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

BARES E RESTAURANTES

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK