Brasília-DF,
23/MAR/2019

De sanduíche a prato montado, lanchonetes investem em cardápio diferenciado

As casas Johnnie Burguer e Cumarim acrescentam um toque especial aos pratos para atrair público

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Mariana Vieira - Especial para o Correio Rebeca Oliveira Vinicius Nader Publicação:11/10/2013 06:05Atualização:10/10/2013 11:43

Mix onions e milk-shake puerto madero: dupla de sucesso no Johnnie Burguer (Carlos Moura/CB/D.A Press)
Mix onions e milk-shake puerto madero: dupla de sucesso no Johnnie Burguer

A marca Johnnie Burguer é nascida em Águas Claras. “Construí o nome aqui dentro”, relembra Mateus Ramalho, proprietário da lanchonete que possui quatro unidades pelo Distrito Federal e está prestes a abrir a quinta, também em Águas Claras. “Nossa aposta é na criatividade: pegamos receitas tradicionais e colocamos um toque especial”, completa. É o caso do mix onions (R$ 19,50), hambúrguer que leva os tradicionais anéis de cebola fritos no recheio. Outro sucesso de vendas é o milk-shake puerto madero (R$ 13,90), preparado com sorvete de creme e doce de leite.

As noites de quinta são marcadas pelo rodízio de hambúrguer (R$ 32,90 por pessoa). São seis opções de entrada, entre chilli com nachos e batata frita, sete opções de hambúrgueres em seus tamanhos tradicionais e ainda duas opções de hot dog. “A gente quer que as pessoas peçam com calma; a comida é fast-food, mas o consumo não precisa ser”, explica Mateus, que disponibiliza videogames e iPads para os clientes.


Molho de Pimenta

José Antonio Moreira com o prato filé verde e suco de laranja da lanchonete Cumarim (Carlos Moura/CB/D.A Press)
José Antonio Moreira com o prato filé verde e suco de laranja da lanchonete Cumarim

Hambúrguer também é o carro-chefe da Cumarim, lanchonete fundada em 2008 por José Antonio Moreira. Uma opção é o cheese itália (R$ 18,40), com rúcula, tomate seco e muçarela de búfala.


Para quem prefere uma refeição, a casa tem saladas e pratos montados, como o filé verde (R$ 25,50)  com salada, arroz com brócolis e legumes refogados.  Além disso, José faz questão de oferecer, como cortesia  a sobremesa (uma bola de sorvete) ou um café expresso.


O nome da lanchonete é uma história à parte: “Li uma reportagem sobre pimentas e vi a coumarin, que estava escrita cumarim. Gostei e resolvi usar o nome”, conta José. Hoje, a pimenta é o principal ingrediente do molho que leva o nome da casa, acompanha sanduíches e acaba sendo um  diferencial.

 

 

 

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

BARES E RESTAURANTES

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK