Brasília-DF,
11/DEZ/2017

Sob nova direção, casa oferece espumante tanto em garrafa como em taças

A empresária Natividade Pires também se tornou sócia da Le Rouge Champanheria, que funciona como bar e lounge

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Mariana Vieira - Especial para o Correio Rebeca Oliveira Vinicius Nader Publicação:13/12/2013 06:03Atualização:12/12/2013 11:21

O prossecco na Le Rouge é um bom acompanhante para o acarajé de bacalhau (Janine Moraes/CB/D.A Press)
O prossecco na Le Rouge é um bom acompanhante para o acarajé de bacalhau
A Le Rouge Champanheria, uma das casas que privilegia espumantes em sua carta, está sob nova direção. Há três meses, após assumir o restaurante português Dalí Camões, a empresária Natividade Pires também se tornou sócia da casa, que funciona como bar e lounge. “Os clientes podem tomar um drinque e petiscar as opções do cardápio do Dalí”, afirma. Uma das sugestões é o acarajé de bacalhau (R$ 12, duas unidades), releitura do quitute baiano com toques lusitanos.





 

 

A casa oferece opções do espumante tanto em garrafa, como o italiano Prossecco Rustico Nino Franco (R$ 174), quanto em taças de outros rótulos, como o nacional Perini, nas versões brut e rosé. Também é possível desfrutar de coquetéis à base de espumante, como os clássicos kir royal (R$ 22), feito com espumante, licor de cassis e cereja, e o bellini (R$ 24), preparado com pêssego macerado e espumante.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

BARES E RESTAURANTES

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK