Brasília-DF,
16/SET/2021

Sopa agnoline se destaca no cardápio do restaurante Cantina da Massa

A casa oferece o prato com caldo de galinha por molhos, como o bolonhesa

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Mariana Vieira Rebeca Oliveira Publicação:09/05/2014 06:06
Na casa de Fernanda Bressan, a orientação à mesa é sempre de fartura. “Só o ato de comer já me lembra minha mãe e também minha avó, que nos recebia com biscoitinhos”, conta a chef. “Quero poder passar isso para os meus filhos”, completa.

Sopa agnoline: tradição no Rio Grande do Sul  (Daniel Ferreira/CB/D.A Press)
Sopa agnoline: tradição no Rio Grande do Sul


Para ela, é um prazer dar continuidade ao trabalho criado pela mãe em 1996 com a Cantina da Massa. No começo, porém, ela não tinha certeza do caminho: “Eu cursei nutrição, mas senti falta de uma formação na área de gastronomia”.

Com o fim de aprimorar os conhecimentos que aprendera ao ver a mãe, Alda Bressan, cozinhar, Fernanda seguiu para a Itália. “Aprendi a fazer nhoque com cordeiro, carne que minha mãe sempre fez em casa”. Na cantina, é servida uma versão de nhoque com molho de cordeiro desfiado (R$ 41,90).

Mas o prato que mais atrai as mães e avós para o restaurante é o tradicional capelete de frango em brodo (R$ 43,90), também conhecido como sopa agnoline. “No Sul, é uma comida muito apreciada no frio”, ressalta. Para quem preferir, é possível trocar o caldo de galinha por molhos, como o bolonhesa. Se a ideia é ficar em casa, Fernanda lembra que a casa recebe encomendas para o Dia das Mães.
Tags: celular

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

BARES E RESTAURANTES

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK