Brasília-DF,
20/SET/2021

Para harminozar com o vinho, a Adega Baco criou dois tipos diferentes de risoto; confira

O arroz arbóreo com carne seca e abóbora promete cair no gosto dos frequentadores

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Bernardo Bittar - Especial para o Correio Paula Bittar, Especial para o Correio Mariana Vieira Publicação:22/08/2014 06:09Atualização:21/08/2014 15:27
Para harmonizar: sabores do nordeste e bebidas do mundo todo  (Carlos Moura/CB/D.A Press)
Para harmonizar: sabores do nordeste e bebidas do mundo todo
O risoto é um dos pratos que melhor harmoniza com vinho. É essa a função dos dois tipos diferentes do arroz cremoso no cardápio da Adega Baco. Segundo Gilberto Zortea, proprietário, o risoto de espumante com morangos e castanha baru (R$ 19,50) surpreende e o sabor agrada a todos os que pedem. O sucesso do prato foi tão grande que os clientes pediram para incluir mais um tipo de risoto no cardápio. Agora, a aposta da adega é nos ingredientes regionais.

O arroz arbóreo com carne seca e abóbora (R$ 20,50) promete cair no gosto dos frequentadores. "Quem fez a consultoria do cardápio foi a chef Adriana Nasser. A ideia é trazer porções pequenas, panelinhas individuais. O agridoce do morango teve boa aceitação", conta Gilbeto.

A casa abriu há apenas três meses com foco em oferecer a degustação de vinhos, por isso os pratos do menu casam perfeitamente com a carta de bebidas. A adega oferece mais de 340 rótulos. No wine bar, a By The Glass, máquina com 16 bicos, cada um deles ligados a uma garrafa, permite que o cliente experimente vários vinhos.

Adega Baco
(CLSW 101, Bloco A – Sudoeste; telefone 3344-3309), aberto de terça a quinta, de 19h as 23; sexta e sábado de 19h as 0h;

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

BARES E RESTAURANTES

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK