Brasília-DF,
20/JUL/2018

Ao estilo do Pernalonga, a cenoura se torna fundamental na cozinha do Natural Green's

O restaurante, que é especializado na cozinha natural, oferece diversos pratos baseados no tubérculo

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Rebeca Oliveira Mariana Vieira Sara Campos - Especial para o Correio Publicação:03/10/2014 06:03Atualização:02/10/2014 13:17
 Rogério Mazer levou o hábito de comer cenoura na infância para a mesa do Natural Green's
 (Oswaldo Reis/Esp. CB/D.A Press)
Rogério Mazer levou o hábito de comer cenoura na infância para a mesa do Natural Green's
Hortaliça inseparável do coelho Pernalonga, a cenoura se tornou fundamental para a cozinha natural. No restaurante Natural Green's, um dos precursores da especialidade na capital, não poderia ser diferente. O tubérculo é base de diversos preparos servidos no bufê (R$ 43,90, o quilo, de segunda a sexta; R$ 30,80, o quilo após às 14h; e sábado e domingo, R$ 46,90, o quilo) do almoço, que serve saladas, salpicão, tortas, pães e o suflê, presente no restaurante desde o início das operações, há 18 anos.

"Costumamos brincar que há muitos filhos do Green's aqui. São jovens que chegaram aqui na barriga da mãe e voltam com a família para comer aqui", afirma o proprietário Rogério Mazer, que tem uma relação antiga com o ingrediente. "Quando éramos pequenos, eu e meu irmão sempre comíamos a cenoura crua, assim como o pernalonga. Ela fazia parte da nossa alimentação no cotidiano", relembra.

Natural Green's
(302 Norte, Bloco B, loja 15; telefone 3326-0272 e 202 Sul, Bloco C, loja 4; telefone 3321-5039), aberto de segunda a sexta, das 11h às 22h. Sábado, das 11h às 15h30.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

BARES E RESTAURANTES

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK