Brasília-DF,
19/SET/2017

Pizzas também podem ser alimentos funcionais; saiba mais sobre o assunto

A massa disponível no DuoO mostra que sim ao não possuir glúten

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Mariana Vieira Publicação:02/01/2015 06:05

Pizzas funcionais na nova unidade do restaurante DuoO: massas sem glúten (Felipe Menezes/Divulgação)
Pizzas funcionais na nova unidade do restaurante DuoO: massas sem glúten

É possível consumir alimentos funcionais e não abrir mão de delícias como a pizza? A segunda unidade do DuoO, inaugurada no último mês, vem para provar que sim. As pizzas do lugar, que conta com uma forneria, são elaboradas com farinha de arroz e biomassa de banana verde e recheios funcionais.

A pizza sertão (R$ 63 — grande, e R$ 44 — pequena) leva carne seca, muçarela sem lactose, creme de abóbora, cebola-roxa e molho de tomate pelado. Já a tucano (R$ 59 — grande, R$ 41 — pequena) leva caponata de casca de banana, muçarela sem lactose, orégano e molho de tomate pelado.

Os sabores foram pensados para não pesar na balança — até os doces. A pizza cabocla (R$ 53 — grande, e R$ 37 — pequena), por exemplo, é a clássica de banana, mas com muçarela sem lactose, melado de cana, açúcar mascavo e canela em pó.
O restaurante oferece ainda opções de suchás (sucos com chás), como o de morango com infusão de casca de abacaxi e hortelã (R$ 8). Os ingredientes contribuem com a hidratação do corpo e são alternativa mais leve aos pratos que levam leite.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

BARES E RESTAURANTES

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK