Brasília-DF,
26/SET/2021

Aproveite um pouco da gastronomia que leva toques nacionais

Conheça alguns pratos clássicos com toque abrasileirado

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:19/02/2016 07:00Atualização:18/02/2016 17:14

 (Ana Rayssa/Esp. CB/D.A Press)
 

 

Na 14ª edição, o Restaurant Week vem com um tema especial: receitas clássicas com toques nacionais. O resultado surpreende, tanto em criatividade quanto em sabor. “Damos o tema e as casas fazem seus preparos de acordo com a criatividade do chef; tentamos não interferir”, comenta Fernando Reis, realizador do festival. Ele ainda complementa: “O Restaurant Week gera clientela, o que, se as casas souberem aproveitar, vem como uma mão na roda para esse momento de crise”. Para Reis, a gastronomia brasiliense cresceu muito desde o início do festival, em 2009. “Temos tanto uma oferta quanto uma procura maior por preparos de qualidade”. Vale lembrar: os valores são fixos, R$ 44,90, para o almoço, e R$ 54,90, para o jantar. O festival segue até 6 de março.

 

Toujours

No Toujours, bistrô que dá ao comensal a sensação de estar na própria Paris, o menu segue as receitas francesas, mas acrescenta ingredientes nacionais para incrementar os preparos. Para o almoço, o filé de Saint-Pierre grelhado ao molho de ervas com risoto de limão e toque de açafrão é uma aposta do local. “O açafrão combinou muito bem com essa receita colocamos um pouco, para o sabor ser suave, mas ele ainda deixa o risoto com uma cor ótimo”, comenta a proprietária Joyce Miranda. Para finalizar, em uma casa francesa não poderia faltar o creme brûlée. O toque nacional vem do doce de leite com café. A casa fica na 405 Sul, (bl. D; 3242-7067) e funciona de segunda a quinta, das 12h às 15h e das 19h à 0h; sexta e sábado, das 12h à 1h; e domingo, das 12h às 16h.

Manzuá

 (Restaurant Week/Divulgação)
Localizado no Pontão do Lago Sul (Shis QL 10, lt. 1/30, 3364-6090), o Manzuá é uma das casas que acertaram na hora de preparar os pratos do Restaurant Week. No cardápio, a moquequinha de camarão acompanhado com arroz pirão e farofa faz parte do menu de jantar. Já para quem vai apostar no almoço da casa, peixadinha com arroz, farofa e pirão é a pedida. Destaque para as entradas: bolinho de aipim com camarão no almoço e ou miniacarajé no jantar. A cocada branca completa a proposta baiana. O local funciona de segunda a quinta, das 12h à 0h; sextas e sábados, das 12h à 1h; e domingos, das 12h às 23h.

Liv Lounge

 (Ana Rayssa/Esp. CB/D.A Press)
A proposta de comida contemporânea do festival casa com os preparos servidos no restaurante Liv Lounge, localizado no condomínio Life (SCEN, Tr. 1, R. 2; 3526-9921). Para começar, a entrada do almoço e do jantar é a mesma: salada de maçã verde, salsão e nozes ao molho de iogurte natural. O almoço tem, ainda, lombinho ao molho de abacaxi acompanhado de arroz e purê de banana. À noite, entra em cena o filé de pescada amarela ao molho de maracujá acompanhado de legumes ao vapor. Para a sobremesa, um tradicional pudim de leite ou musse de maracujá. O horário de funcionamento do Liv Lounge é de terça a domingo, das 12h às 23h30.

Barbacoa

 (Telmo Ximenes/Divulgação)
Para quem procura boas carnes, o Barbacoa é sempre uma ótima alternativa. A casa segue um exigente padrão de qualidade, garantia dos preparos que vão à mesa serem excelentes. Localizado no Espaço gourmet do ParkShopping (3028-1530) e com horário de funcionamento das 12h às 23h, de segunda a quinta; até a 0h, sextas e sábados; e até as 20h, no domingo. No Restaurant Week, a casa fará apenas o jantar, e os preparos podem ser montados de acordo com o gosto do cliente. Primeiro a entrada, mix de folhas com filé de frango desfiado e molho de hortelã e mel ou salada de rúcula com tomate seco e muçarela de búfala. Nos pratos principais, o comensal escolhe entre bife ancho, picanha suína ou tilápia ao molho de laranja. A proteína pode ser acompanhada pelo arroz de açafrão com bacon, que, além de colorir e dar um toque nacional, deixa o preparo com um sabor especial ou, ainda, creme de espinafre ou batatas rústicas. A sobremesa encerra o menu com mousse de coco com calda de manga e gengibre.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

BARES E RESTAURANTES

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK