Brasília-DF,
15/SET/2019

Delivery: Confira opções de restaurantes que entregam no conforto de sua casa

O serviço de entrega está em alta na cidade, e casas de variadas gastronomias aderem ao modelo

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Renata Rios Hannah Sombra* Melissa Duarte* Publicação:16/08/2019 06:00Atualização:15/08/2019 18:16
Faça chuva, faça sol, seja um dia quente, seja frio, comida entregue em casa é um conforto que agrada. O cenário dos deliveries na capital mudou muito: antes, as entregas se limitavam aos fast-food: basicamente pizza e hambúrguer; agora, estas atendem às mais diversas horas e vontades. Outra mudança está na forma de pedir, o que antes era feito pelo site dos restaurantes ou pelo telefone, agora pode ser feito por aplicativos destinados a esse padrão de consumo. Seja uma comida leve, seja um jantar gourmet ou até uma sobremesa, basta abrir um aplicativo e escolher o que pedir. Confira algumas opções selecionadas pelo Divirta-se Mais para atender aos desejos mais específicos, nas diferentes horas do dia.

Se a ideia é manter a dieta, mas deixar um espacinho para a preguiça, os restaurantes voltados para comidas saudáveis aparecem em peso nos aplicativos. Entre as opções, o destaque vai para o Nutri Vitae, no qual vale conferir os pratos da linha low carb, como frango grelhado com espaguete de abobrinha. Outra pedida de que o local dispões são as sopas. Vegana, barata e leve, vale conferir a de grão-de-bico com espinafre.

Para quem busca algo mais elaborado, que tal o Rubaiyat na lista de casas disponíveis nos aplicativos de entrega? No local, o forte está nas carnes e boa parte delas são disponibilizadas para entrega. Segundo o chef da casa, Jhon Nascimento, a demanda pelas entregas cresce no fim de semana, em especial na hora do almoço, a partir das 11h.

E uma sobremesa? Os deliciosos brigadeiros gourmets podem ser pedidos na Doux Brigaderia. A casa trabalha com diversos sabores do docinho, desde o clássico de chocolate até versões estilizadas, como o brigadeiro de pistache ou de capim limão. “Atualmente, nossas entregas correspondem a 50% das vendas”, diz Cesar Oliveira, sócio da casa.

*Estagiárias sob supervisão de Igor Silveira.


Vem, tapioca! 


Quem gosta de uma alimentação saudável e da praticidade do delivery pode entrar em contato com a tapiocaria Raízes do Sertão. Localizado na Asa Norte, o restaurante monta a tapioca de acordo com o gosto do comensal. “Nossa sugestão é que o cliente monte a própria tapioca, testando e inovando”, conta o proprietário do lugar, Fabiano Martins.

A mais pedida da casa é a tapioca Mainha (R$ 21, grande; R$ 17, pequena), que leva a massa de tapioca com queijo coalho e recheio de carne de sol com banana frita.

A tapiocaria conta, ainda, com pratos doces, como Romeu e Julieta (R$ 13, grande; R$ 10, pequena); Beiçuda, recheada com chocolate, castanha-de-caju e morango ou banana (R$ 18, grande; R$ 16, pequena); Cartola (R$ 16, grande; R$ 14, pequena), recheada com queijo coalho, banana frita e canela. É possível degustar dadinhos de tapioca (R$ 29,90) e as pamonhas de sal e doce com queijo (R$ 7). De sobremesa, os clientes podem escolher brownies com calda de chocolate ou doce de leite (R$ 14,90).

A tapioca Mainha faz sucesso entre os clientes da tapiocaria (Arquivo Pessoal)
A tapioca Mainha faz sucesso entre os clientes da tapiocaria

Agora, fiquei roxo


O que é, o que é? Pode ser pré-treino ou lanche da tarde, além de ajudar a emagrecer e a combater a anemia? Se você respondeu açaí, está certo. Do Pará, desembarca direto no Fulô do Açaí, onde é batido apenas com xarope. “Nosso produto é de fabricação própria”, afirma a proprietária Anna Paula Batista.

Junte o açaí puro às criações da casa: o resultado é o açaí gourmet. “A primeira coisa que o cliente vai fazer é comer com os olhos”, acredita a dona. As frutas são cortadas e montadas no topo da tigela e formam uma mandala. O açaí com morango (a partir de R$ 16,50) caiu no gosto da galera assim como o tradicional (a partir de R$ 14,50), com banana. Os tamanhos variam de 300ml a 1l.

“Eu criei a barca de açaí e ela se popularizou”, conta a empresária, inspirada pela barca de sushi. “Logo depois, eu criei o combo (de açaí com beiju, a R$ 18,50)”, continua. O shake de 300 ml mais a tapioca de frango com requeijão fazem sucesso entre a clientela. Outra receita da casa é o açaí ao vinho (a partir de R$ 19,50).

A proprietária é responsável pelas montagens e pelos ingredientes escolhidos em cada receita. Anna diz que o modo de preparo é o segredo da casa. Lá, os clientes podem se servir ou optar pela versão gourmet. A experiência de ir ao local — ao ar livre, com cobertura de piaçava. “É totalmente diferente do delivery”, acredita a empresária. Para ela, o ambiente, a tigela de porcelana e a decoração do açaí fazem toda a diferença.

Cada receita do Fulô do Açaí tem a cara do local (Vinicius Cardoso Vieira/Esp. CB/D.A Press)
Cada receita do Fulô do Açaí tem a cara do local

Gostoso é ser saudável


Entre panquecas, sopas e lasanhas, os clientes do Nutri Vitae contam com 96 itens para levar uma vida mais saudável. Para os que vivem atarefados e não têm tempo para manter a dieta, o local realiza entregas de refeições individuais e de kits promocionais para comer bem a semana inteira.

Os pratos da linha low carb caíram no gosto da clientela que quer emagrecer. Se o tradicional filé ao molho madeira (R$ 22) vem com arroz, a opção com baixo teor de carboidrato acompanha quibebe de abóbora (R$ 24,70). O frango grelhado com espaguete de abobrinha (R$ 21,20), por sua vez, é uma boa escolha para substituir o macarrão. “O que faz esse prato ter muita procura é que o espaguete de abobrinha tem praticamente zero caloria”, afirma a proprietária Laura Ferreira. Tudo isso sem glúten e sem lactose.

A linha de batata-doce é recheada de opções fit: cada prato tem 200g dela mais 200g de proteína. Duas camadas de batata-doce envolvem o frango no prato de escondidinho (R$ 22,50), zero glúten. O queijo light gratinado é o responsável agregar textura ao prato. O segredo fica por conta dos temperos da casa, que a empresária prefere não revelar.

Para quem deseja uma opção leve, vegana e barata, tem a sopa de grão-de-bico com espinafre (R$ 8,30 — 250 ml). “Nossa sopa é uma ótima ajuda no jantar, porque têm, no máximo, 120 calorias, sem perder nutrientes”, analisa Laura, nutricionista há mais de 15 anos. As refeições passam pelo método de ultracongelamento, no qual vão de 90°C a até -20°C rapidamente. Assim, mantêm nutrientes e impedem crescimento de bactérias e formação de cristais de gelo. O próximo passo do bistrô será utilizar apenas ingredientes orgânicos.

Na Nutri Vitae, tem opções para todos os gostos bolsos (Sérgio Apolonio/Divulgação)
Na Nutri Vitae, tem opções para todos os gostos bolsos

Em grande estilo


A expansão do serviço de entregas chegou ao Rubaiyat Brasília, casa conhecida pelos ótimos cortes e o espaço amplo, bem localizado e elegante. “A experiência de quem vem ao restaurante é muito diferente em relação ao serviço de entrega. Aqui, o cliente tem um espaço agradável, uma bela vista e a apresentação dos pratos é mais bonita”, informa o chef Jhon Nascimento. Apesar das vantagens, o chef afirma que as entregas tem um forte apelo: “Muita gente acaba pedindo, especialmente no fim de semana, quando geralmente entre 11h30 e 13h temos um pico dos pedidos”.

Entre as receitas que o chef destaca para o delivery, o costelão (R$ 98, na casa; R$ 109, no delivery) é um queridinho. “Ele tem uma saída muito boa para a entrega e serve bem duas pessoas. O corte tem 600g e é acompanhado de molho roti, arroz biro-biro e farofa Tavares”, detalha. Segundo ele, o preparo é feito com a peça inteira, depois ele é porcionado.

Se gostou da ideia, o chef ainda sugere o arroz de costelão (R$ 119, na casa; R$ 90, no delivery), que aproveita a mesma matéria-prima. “Arroz de costelão é feito com a carne desfiada com arroz cozido com caldo de legumes e carne, temperos, chorizo espanhol, maionese de alho e molho roti”, descreve o chef. A feijoada (R$ 89, por pessoa; ou R$ 129, no delivery) do local também pode ser pedida em casa. “Trabalhamos com a feijoada completa no bufê aos sábados. Ela vai para casa com todos os acompanhamentos”, informa.

Rubaiyat Brasília disponibiliza diversos preparos para entrega (Helio Montferre/Divulgação)
Rubaiyat Brasília disponibiliza diversos preparos para entrega
 
As comidas oferecidas no Refeições DiCasa atendem o dia a dia com variedade e qualidade (Ed Alves/CB/D.A Press)
As comidas oferecidas no Refeições DiCasa atendem o dia a dia com variedade e qualidade
 
 

Qualidade caseira


Comer todo dia na rua não é uma missão fácil: o paladar enjoa e o bolso pede socorro em pouco tempo. Pensando nessa realidade, Eleonora Bonorino e o marido, Paulo Maurício Ferreira, decidiram apostar com tudo nas entregas. O casal, que já tinha a experiência na gastronomia abriu há cerca de um ano o Refeições DiCasa. A proposta é simples: comida caseira, feita com ingredientes naturais e aquele sabor bem caseiro. “Tentamos trabalhar com proteínas variadas, como frango e peixe, além da carne vermelha”, informa o chef Paulo Maurício.

O local não trabalha apenas com o cardápio tradicional, que sai por R$ 15, a refeição. Vale conferir também a opção fitness, feita exclusivamente com azeite e sai por R$ 20. Para quem busca algo mais elaborados, as alternativas gourmets (R$ 25) e gourmet plus (R$ 32) contam com preparos mais elaborados, como a moqueca, que costuma ser servida nos fins de semana. “Tento trabalhar com proteínas mais elaboradas, como o salmão, o atum e picanha”, informa Paulo.

Eleonora sugere que o cliente confira os pacotes disponíveis para atender quem pede sempre as refeições. “Trabalhamos com pacotes semanais, que oferecem cinco refeições; ou com mensais, que oferecem 20.”

Sushi no seu lar 


Os fãs da culinária japonesa sabem que as peças de salmão foram feitas para os preparos da cultura. Buscando atender as necessidades e deixar um pedacinho do restaurante na casa de cada cliente, o Nakombi disponibiliza o serviço delivery.

Para acertar no pedido, Marisa Zardo, sócia e proprietária do estabelecimento, sugere o combinado completo de salmão (R$ 62), prato mais pedido dos clientes. “Sugerimos combinados menores, de 25 peças por exemplo, e adicionar ao pedido duplas de sushis e rolls especiais, com sabores diferenciados, elaborados por nosso sushiman e por nosso chef”, diz a empresária.

Caso a vontade seja experimentar outros pratos, o restaurante também oferece yakisoba de carne (R$ 45), sashimi de salmão ao molho cremoso de teriyaki (R$ 34), dupla de gunka polvo tempurá (R$ 10), dupla de niguiri de salmão trufado e maçaricado (R$ 10) e muito mais.

Como o ingrediente da maioria dos pratos é o peixe cru, a entrega dos pedidos demora, em média, uma hora. “Todos os combinados são montados na hora do pedido. O peixe fresco somente é cortado no momento da montagem. Por se tratar de insumos em sua maioria crus, não ficam previamente expostos ou preparados”, explica.

O combinado de salmão de 25 peças é a sugestão da proprietária do Nakombi (Uber Eats/Divulgação)
O combinado de salmão de 25 peças é a sugestão da proprietária do Nakombi
 
O sanduíche Redneck possui dois hambúrgueres e o dobro de bacon (Lucas Halley/Divulgação)
O sanduíche Redneck possui dois hambúrgueres e o dobro de bacon
 

Hambúrguer de qualidade 


Fora do  Plano Piloto os comensais também podem pedir um hambúrguer artesanal de qualidade. Essa é a proposta da Hamburgueria Apache, com unidades em Águas Claras e em Vicente Pires. Aos visitantes de primeira viagem, Lucas Halley indica algumas receitas: “Temos o Apache (R$ 26), o Wakanda (R$ 26) e o Redneck (R$ 30). São receitas para quem sente bastante fome. Duas carnes de 180g, quatro fatias de muçarela e o bacon, com maionese da casa, tudo servido no pão brioche”, diz.

Quem quiser incrementar o sanduíche pode escolher adicionais a partir de R$ 2, como bacon, cebola caramelizada, cebola-roxa, picles ou salada. As batatas palitos podem ser trocadas pelas rústicas ou por anéis de cebola com o acréscimo de R$ 6.

Lucas relembra que, ao lado do sócio, Igor Costa, implementaram o sistema delivery com quatro meses de funcionamento. “Depende do dia, mas tem uma média geral de 30 a 60. Há dias que chegam a 90 a 100, é uma loucura”, brinca.


Arte da pizza


No Vinny’s Artisan  Pizza, a experiência é completa: a clientela pode escolher a comodidade do delivery, ir ao food truck ou à pizzaria. Cada pessoa pode se divertir na hora de botar a mão na massa e customizar a própria pizza: a versão simples (R$ 19,70) vem com uma opção de molho, queijo, carne e complemento enquanto a completa (R$ 24,70) tem molho, dois queijos, duas carnes e oito complementos. “Eu sempre pensei que isso deixasse a pizza com a cara do cliente”, conta o sócio Vinicius Campos, que dá nome ao local.

“Nossa pizza é bem diferenciada da brasileira”, continua o pizzaiolo, que deu toque autoral nas receitas, servidas com quatro pedaços. O sabor que mais conquista é o de calabresa (R$ 22). “É bem tradicional, caiu no gosto do brasiliense”, analisa o pizzaiolo. Opção vegetariana, a marinara (R$ 19,70) — com manjericão, alho assado e azeite — também sai bastante. E como manda a tradição napolitana, cada pizza é individual.

As bordas são altas e areadas — sem recheio. Aberta à mão na hora, a massa não fica tão fina. Como é fermentada por pelo menos 24 horas, o cheiro e o sabor se destacam, e a digestão se torna mais leve. Depois de montada, vai para o forno numa temperatura muito alta — mais de 440°C — por um tempo muito pequeno: 90 segundos. Esse também é um diferencial na hora de optar pelo food truck. “Enquanto outras pizzas ficam de quatro a seis minutos no forno, a nossa chega em dois minutos para o cliente”, afirma.

As pizzas artesanais do Vinny%u2019s se inspiram nas receitas napolitanas (Bárbara Cabral/Esp. CB/D.A Press)
As pizzas artesanais do Vinny%u2019s se inspiram nas receitas napolitanas

Os doces vêm até você


Os brigadeiros gourmets chegaram, encantaram, dominaram e se consagraram nos menus brasilienses. A receita, que remete à infância e à memória nostálgica de muitos marmanjos, é o carro-chef da Doux Brigaderia desde 2011, quando o local abriu apenas para entrega. Com o tempo, veio a primeira loja, depois os quiosques nos shoppings. Atualmente, a marca possui apenas uma loja e conta com 50% dos pedidos feitos pelo iFood — único aplicativo que a loja entrega. “Nosso próximo passo é ampliar o horário de entrega”, afirma Casar Oliveira, sócio da casa e marido da cabeça por trás dos docinhos, Amanda Cardoso.

Entre as receitas oferecidas, Cesar destaca o brigadeiro, que vem em incontáveis versões, seguindo desde o de chocolate belga ou de coco, até alternativas ousadas, como o brigadeiro de maracujá ou de capim-limão. “É muito cômodo para o cliente pedir em casa. Ele pode escolher os sabores e até aproveitar os combos que montamos especialmente para o iFood”, conta.

Sobre os cuidados com o delivery, Cesar explica que a conservação, qualidade e apresentação do produto são fundamentais. “Trabalhamos com receitas gourmets, nossos clientes procuram um produto diferenciado não apenas no sabor. Por isso temos muito cuidado para as embalagens serem adequadas. Temos preparos que não entregamos, por conta do transporte”, relata. Para quem vai ao café, a dica é acompanhar algum dos docinhos com uma das bebidas ofertadas, como o frapucino (R$ 9) ou o capuccino (R$ 7).

O brigadeiro de creme brulèe é finalizado com açúcar maçaricado para remeter ao clássico francês (Doux Brigaderia/Divulgação)
O brigadeiro de creme brulèe é finalizado com açúcar maçaricado para remeter ao clássico francês
 
  

Onde comer


Rubaiyat Brasília 
(SCES Tc. 1, lt. 1; 3443-5000), aberto de segunda a sábado, das 12h às 23h30; domingo, das 12h às 18h. Entrega pelos aplicativos do Ifood; Rappy e Uber Eats, de segunda a sábado, das 11h às 23h; domingo, das 11h às 17h30.

Refeições DiCasa 
(Entregas pelo Whats App 99343-7775. Facebook e Instagram: @refeicoesdicasa. Entregas diariamente, das 11h às 15h.

Doux Brigadeiria 
(716 Norte, Bl. B, lj. 24; 3302-5297), aberto de segunda a sexta, das 8h às 19h; sábado, das 8h às 18h.

Nutri Vitae 
(CLSW 300A, Bl. B, lj. 79, Ed. Belas Artes; 3036-4911), aberto de segunda a sexta, das 9h às 19h; e sábado, das 9h às 13h. As entregas são realizadas de segunda a sexta, das 8h às 14h.

Vinny’s Artisan Pizza 
(105 Sul, Bl. C, lj. 36; 3253-4776), aberto diariamente das 17h às 22h40. Dois food trucks funcionam diariamente, exceto uma segunda por mês (a definir), das 17h30 às 22h40. Confira os locais e dias da semana no Instagram @vinnysfoodtruck.

Fulô do Açaí 
(QNL 7, cj. F, casa 18, Taguatinga; 3336-6695), aberto diariamente das 15h às 22h.

Restaurante Nakombi 
(404 Sul, Bl. B, lj 35; 3264-6888), aberto de terça a domingo, das 12h às 14h30 e das 19h às 23h; Pedidos feitos pelos aplicativos iFood e Uber Eats.

Raízes do Sertão 
(309 Norte, Bl. E, lj 9; 3037-9433), aberto de segunda a sábado, das 9h às 23h. Pedidos feitos pelos aplicativos iFood, Rappi e Uber Eats.

Hamburgueria Apache 
(Q. 205, Águas Claras; 3548-2498) e (R. 10, ch 327, lt 1, lj 10, Vicente Pires; 3263-4655), aberto de segunda a domingo, das 18h às 23h. Pedidos pelos telefones dos restaurantes.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

BARES E RESTAURANTES

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK