Brasília-DF,
23/OUT/2017

Cliente alega ter sido expulsa de bar; assessoria esclarece o ocorrido

Está insatisfeito com algum serviço da cidade? O restaurante não atende legal? Os seguranças são truculentos? Então, pode pôr a boca no trombone

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:26/07/2013 06:02

Está insatisfeito com algum serviço da cidade? O restaurante não atende legal? O cinema está sujo? A boate não oferece drinques com preço justo? Os seguranças são truculentos? Então, pode pôr a boca no trombone e mandar sua reclamação pra gente: naogostei.df@dabr.com.br

Insatisfação

A publicitária Karla Lima, 32 anos, não ficou satisfeita com as duas vezes, no último fim de semana, que foi ao Primeiro Bar do Sudoeste. Ela reclamou do tratamento recebido pelos funcionários do local. “Fui ao bar na sexta-feira, e o garçom literalmente nos expulsou de lá à 1h da manhã. No domingo, quando fui comemorar meu aniversário, eles, além de nos expulsarem novamente às 23h30, não trouxeram meu cupom fiscal (nota legal) que pedi. Os garçons simplesmente perguntaram se nós queríamos copos plásticos para levar as cervejas que ainda estávamos consumindo.”

Resposta

“O Primeiro Bar pede imensas desculpas pelo ocorrido. Estamos tomando as providências necessárias para que esse tipo de comportamento não volte a se repetir. Prezamos muito pelo bom atendimento, e ter esse feedback foi muito importante para corrigirmos essa falha”, reconhece a assessoria de imprensa do local. Os responsáveis esclarecem que, quanto ao horário, o estabelecimento apenas segue regras. “Temos um compromisso de horário de fechamento em respeito à vizinhança. Pedimos desculpas mais uma vez e convidamos (a cliente) para voltar ao bar e desfazer esse mal-entendido.”
Tags: celular

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

BARES E RESTAURANTES

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]