Brasília-DF,
17/JUN/2018

Projeto Samba Autêntico homenageia Monarco, figura histórica do samba

Ao lado de músicos da cidade, ele interpreta Foi um rio que passou em minha vida, Coração em desalinho, Vai vadiar e O quitandeiro

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Maíra de Deus Brito Publicação:09/08/2013 06:08Atualização:09/08/2013 11:16
O líder da Velha Guarda da Portela completa 80 anos no dia 17 (Rogerio Reis/Divulgação)
O líder da Velha Guarda da Portela completa 80 anos no dia 17
“Brasília é minha segunda casa. Tenho muitos amigos aí”, confidencia Monarco, por telefone. O líder da Velha Guarda da Portela completa 80 anos no dia 17, mas está comemorando o aniversário há dois meses, desde uma apresentação em São Luís (MA). “Subiram no palco com um bolo azul e branco. Foi emocionante. Em Belo Horizonte, a Velha Guarda, Paulinho da Viola e o público de 30 mil pessoas cantaram parabéns para mim depois do show. Tem que ter o coração forte para tantas homenagens.”

Nesta sexta-feira (9/8), é a vez de os brasilienses comemorarem as oito décadas do portelense no projeto Samba Autêntico. Ao lado de músicos da cidade, ele interpreta Foi um rio que passou em minha vida, Coração em desalinho, Vai vadiar e O quitandeiro, entre outros sambas obrigatórios na quadra da Portela. “Também vou cantar Tive sim e O sol nascerá, do Cartola, e Aquarela brasileira, de Silas de Oliveira. O pessoal adora quando chega na parte ‘Brasília tem o seu destaque’”. A noite ainda conta com shows de Dhi Ribeiro e Serginho Procópio.

Figura carismática (e histórica) do samba, Monarco receberá vários amigos na quadra da Portela, em Madureira, no dia 17. De acordo com o bamba, os cantores Paulinho da Viola e Marisa Monte, e o cartunista Lan, já confirmaram presença. “Zeca (Pagodinho) não vai porque tem um show no mesmo dia. Senão, ele ia”, frisa. Na semana seguinte, a festança continua no Circo Voador (Lapa) com apresentações de convidados como Diogo Nogueira e Mariene de Castro.

Projeto Samba Autêntico

Nesta sexta-feira, às 21h, na Apcef (SCEN, Tc. 3), show com Monarco, Serginho Procópio, Dhi Ribeiro e músicos da cidade. Ingressos: R$ 100 (mesa para quatro pessoas); e R$ 25 (antecipados) e R$ 30 (na hora), individuais. Valor de meia-entrada. Doadores de 1kg de alimento não perecível também pagam meia. Pontos de venda: Cia. de Dança Marcelo Amorim (710 Norte) e Balaio Café (201 Norte). Informações: 9982-0123. Não recomendado para menores de 18 anos.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES