Brasília-DF,
19/OUT/2018

Companhia Cortejo encena Antes da chuva, que retrata 15 anos de relação afetiva

Um livro, um menino, uma mulher. Esses são os componentes do espetáculo Antes da chuva, da companhia Cortejo

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Mariana Vieira - Especial para o Correio Publicação:22/08/2013 06:03
Bruna Portella e Luan Vieira estão na peça inspirada na obra de García Márquez e nas cartas da avó da atriz  (Cia Cortejo/Divulgação)
Bruna Portella e Luan Vieira estão na peça inspirada na obra de García Márquez e nas cartas da avó da atriz

Quantos elementos são necessários para demonstrar a complexidade de uma relação? Um livro, um menino, uma mulher. Esses são os componentes do espetáculo Antes da chuva, da companhia Cortejo, que estreou na quarta-feira (21/8) e fica em cartaz até sexta-feira (23/8), no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), pelo Festival Cena Contemporânea 2013.

Uma história de amor entre um garoto de 13 anos e uma índia peruana, alguns anos mais velha, poderia ser o mote para polêmica. “A diferença de idade não é tanto o que espanta, mas sim o caráter do relacionamento entre os dois”, explica Bruna Portella, que divide a cena com Luan Vieira, sob a direção cuidadosa de Rodrigo Portella.

“É uma história de amor que emociona. Tem referências literárias e também a influência de memórias afetivas”, completa a atriz, que foi buscar nas cartas da avó — uma índia que desceu o Rio Amazonas — conteúdo para compor o texto da peça. “O imaginário de García Márquez também foi muito inspirador para nós”, completa Rodrigo.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES