Brasília-DF,
22/SET/2018

Roça Cult une ecoturismo e feiras de troca, exposições e duas opções de refeição

"Sempre quis combinar o turismo da região com a arte e a gastronomia", conta o organizado do evento

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Tomaz de Alvarenga - Especial para o Correio Publicação:27/09/2013 06:24
Evento acontece em duas chácaras na região rural de São Sebastião: ideal para o descanso (Murillo Hortêncio/Divulgação)
Evento acontece em duas chácaras na região rural de São Sebastião: ideal para o descanso
A proposta é simples: um passeio pela área rural de São Sebastião, a apenas 30 minutos do Plano Piloto. Fazer trilhas, caminhar pela roça e recarregar as baterias com refeições especiais fazem da Roça Cult um roteiro para cerca de 50 pessoas que participam de suas edições mensais. A próxima será neste domingo, na BR 251, km 29.

Murillo Hortêncio é o organizador do evento. “Sou artista plástico e sempre quis combinar o turismo da região com a arte e a gastronomia. No início, não acreditava que as pessoas viessem, até porque o evento era trimestral e durava dois dias. Para otimizar, resolvi condensar em um domingo por mês e deu certo”, conta.

Entre 9h e 11h30, é servido o café da manhã (R$ 20 por pessoa) e, das 13h em diante, o almoço (R$ 25 por pessoa). Nesta edição, o destaque é a culinária mato-grossense. As pessoas podem chegar de manhã ou à tarde. “Muitos esticam o sono e vêm só para almoçar, mas nosso desejo é de que todos cheguem cedo”, afirma Murillo. No ateliê, o pintor Tiago Botelho apresenta suas obras, e o brechó oferece a feira de trocas. Basta levar o que quer vender ou trocar.

Clique aqui e confira o cardápio completo do evento

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES