Brasília-DF,
21/JUN/2018

Cordel Lua alegria encerra circuito brasiliense com apresentação nesta quinta

No espetáculo, que retrata a trajetória pessoal e artística Luiz Gonzaga, o cantor e compositor Paulo Matricó tem companhia de uma série de artistas

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:31/10/2013 06:00Atualização:29/10/2013 15:33
Paulo Matricó comanda a homenagem no Teatro Plínio Marcos, da Funarte (Valéria Carvalho/Divulgação)
Paulo Matricó comanda a homenagem no Teatro Plínio Marcos, da Funarte

Saiba mais...
O circuito por cidades brasilienses do cordel operístico Lua alegria, idealizado, concebido e apresentado pelo cantor e compositor Paulo Matricó será encerado nesta quinta-feira (31/10), às 21h, no Teatro Plínio Marcos, do Complexo Cultural da Funarte (próximo à Torre de TV). No espetáculo, que retrata a trajetória pessoal e artística Luiz Gonzaga — da infância no sertão nordestino à conquista do Brasil —, Matricó tem a companhia da cantora Myrlla Muniz, do repentista João Santana e do quinteto formado por Ocelo Mendonça (responsável, também, pela direção musical), Cacau Alencar, Derico Alves, Ytto Morais e Meriele Santana.

"A idéia de adaptar o cordel a um roteiro operístico surgiu das minhas lembranças de quando, ainda criança, assistia nas feiras do Nordeste as apresentações dos cantadores de repente e dos folheteiros, que encantavam aos matutos, com a narrativa de romances fantásticos da literatura cordelista", conta oartista. Os ingressos custam R$ 20 e R$ 10 (meia entrada). Não recomendado para menores de 14 anos.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES