Brasília-DF,
24/JUN/2018

Artista Santiago Caruso inaugura exposição com desenhos inspirados em livro

O argentino apresenta desenhos inspirados no livro A condessa sangrenta, com a exposição Na obscuridade aberta, em cartaz na Caixa Cultural

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Ricardo Daehn Publicação:28/11/2013 06:02Atualização:27/11/2013 16:29
A exposição marca o retorno do artista ao Brasil após seis anos (Santiago Caruso/Reprodução)
A exposição marca o retorno do artista ao Brasil após seis anos
“Para não torturar a mente” o artista plástico argentino Santiago Caruso até recorre à emblemática cerveja que faz a fama da cidade natal dele, Quilmes. Mas o artifício pouco se relaciona com “inspirações e lados criativos” da exposição Na obscuridade aberta que o traz de volta ao Brasil do qual conheceu “apenas a chuva de Búzios”, há seis anos. A leitura de uma impudica história em quadrinhos, aos 15 anos, é uma das chaves para entender as 37 obras de Santiago que estão dispostas na Caixa Cultural.








Nas páginas daqueles quadrinhos, com desenhos de Mike Mignola (criador de Hellboy), em meados dos anos 1990, algo escapou — “a parte da sutileza poética, me fugia, por causa da pouca idade” —, mas, diante da figura central de uma condessa dada a práticas sádicas, o impacto veio da “descrição de procedimentos de tortura, além dos exemplos de loucura e ambição”.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES