Brasília-DF,
19/JUN/2018

Vila do Choro cria roda com participação de músicos locais para tocar clássicos do gênero

Neste fim de semana é a vez do quarteto formado por Fernando César (violão sete cordas), Pedro Vasconcellos (cavaquinho), Valerinho Xavier (pandeiro) e Sérgio Morais (flauta)

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Irlam Rocha Lima Publicação:20/12/2013 06:01Atualização:19/12/2013 14:53
Fernando César (D) e Sérgio Morais puxam a roda no Vila Madá (Arquivo Pessoal)
Fernando César (D) e Sérgio Morais puxam a roda no Vila Madá

Estilo musical que tem muitos apreciadores entre os brasilienses, o choro pode ser ouvido em vários lugares na cidade. Um deles é o Vila Madá, no segundo piso do Deck Norte (Lago Norte), onde acontece, aos sábados, a partir das 13h, o projeto Vila do choro, roda com a participação de músicos locais, reunidos em diferentes formações, para tocar clássicos do gênero e temas menos conhecidos.

Neste sábado (21/12), o Vila do Choro será comandado pelo quarteto formado por Fernando César (violão sete cordas), Pedro Vasconcellos (cavaquinho), Valerinho Xavier (pandeiro) e Sérgio Morais (flauta). “Temos mantida acesa a chama do choro, sempre abrindo espaço para instrumentistas da cidade, que encontram aqui o ambiente adequado para mostrar seu trabalho. Na temporada de 2013, promovemos aproximadamente 50 rodas, sem deixar de tocar também nas tardes de sábado”, comemora Fernando César, criador e produtor do projeto.

A roda tem três horas de duração, com pequenos intervalos, e é prestigiada por um público diverso, “sempre atento ao que tocamos”, diz o músico, um dos criadores do grupo Dois de Ouro (ao lado do irmão, o bandolinista Hamilton de Holanda), professor de violão da Escola Brasileira de Choro Raphael Rabelo. “Em 2014, continuaremos com o projeto”, adianta.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES