Brasília-DF,
19/FEV/2018

Espetáculo traz reflexão sobre generosidade e arte contemporânea

Vladimir Brichta, Marcelo Flores e Claudio Gabriel sobem ao palco para contar essa bem-humorada história

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Diego Ponce de Leon Publicação:14/03/2014 07:09Atualização:14/03/2014 11:39
 Para Vladimir Brichta, o texto é um convite à reflexão
 (Nil Caniné/Divulgação)
Para Vladimir Brichta, o texto é um convite à reflexão

Um quadro todo branco. Mais nada. Um convite imediato para se debater o valor artístico da obra. A que se propõe? Qual a mensagem? Devo vangloriar algo assim? Indagações previsíveis, que não fazem parte do enredo principal de Arte, em cartaz neste fim de semana, em Brasília.

Em vez de uma discussão sobre os moldes da arte contemporânea, o referido quadro serve como provocação para três amigos reverem a amizade que os une há anos, a partir das respectivas reações. Vladimir Brichta, Marcelo Flores e Claudio Gabriel sobem ao palco para contar essa bem-humorada história, imaginada pela badalada francesa Yasmina Reza, cujas peças já ganharam traduções em mais de 30 idiomas.

Depois de três grandes montagens brasileiras anteriores, o diretor Emilio de Mello encarou o desafio de renovar uma trama bem conhecida, mas sempre pertinente e atual. Após longa interrupção de cinco meses, por conta de gravações e projetos paralelos, a peça retoma a temporada na capital, que servirá como termômetro da reestreia.

Duas perguntas para Vladimir Brichta

O enredo da peça funciona como metáfora da vida real?


Sem dúvida. A peça versa sobre relações humanas e não sobre arte contemporânea. O quadro em branco é uma bela metáfora. Nitidamente, projeta-se naquele quadro a amizade desses três amigos de longa data e como a relação se desenvolveu nesse período. A ideia é que o público possa se enxergar no palco.

O que prevalece no texto da Yasmina Reza?


O convite para que o público reflita sobre a sua própria forma de agir em relação ao mundo, ao próximo, a si mesmo. O texto fala muito sobre sermos generosos, de nos colocarmos no lugar do outro, algo cada vez mais difícil nos dias de hoje. A peça exige esse entendimento e não somente o propõe.

Serviço: Arte

De Yasmina Reza. Direção de Emilio de Mello. Com Vladimir Brichta, Marcelo Flores e Claudio Gabriel. Hoje e amanhã, às 21h. No Teatro Brasil 21(SHS, quadra 06). Ingressos a R$10 (meia-entrada). Não recomendado para menores de 14 anos.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES