Brasília-DF,
22/FEV/2018

Festa traz Banda Eva para se apresentar na Orla do Lago

Além do axé, o bloco Carrossel de Emoções e os DJs Tartaruga e Flávio Fatboy se apresentam no Movimento dos Interessados em Sacudir Sua Alma

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Adriana Izel Publicação:25/04/2014 06:06Atualização:24/04/2014 14:28

O bloco Carrossel de Emoções faz show no evento ( Auê Fotoconceito/Divulgação)
O bloco Carrossel de Emoções faz show no evento

Os quatro anos da festa Movimento dos Interessados em Sacudir Sua Alma serão celebrados com uma edição especial marcada para sábado (26/4), a partir das 16h, na Orla do Lago (SHTN, Tc. 1). O evento terá como atrações o bloco Carrossel de Emoções, a Banda Eva e os DJs Tartaruga e Flávio Fatboy.

Comandado pelo cantor  Fernando Guina, o grupo carioca Carrossel de Emoções, que surgiu há  dois anos, retorna à capital para apresentar o novo show. “A gente tem um carinho muito grande por Brasília. Foi o nosso primeiro show fora do Rio. Já tivemos muitas oportunidades na cidade e, por isso, queremos levar o novo formato”, revela Guina.

A apresentação tem como foco o material do EP lançado no ano passado, que tem duas inéditas — entre elas o atual hit É patricinha —, e ainda antigos sucessos do funk melody consagrados por nomes como Buchecha e MC Marcinho. “A nossa ideia sempre foi levar o funk dos anos 1990 para as ruas. Começou como uma brincadeira, uma forma de celebrar o que a gente escutava”, explica o vocalista.

Quem também está de volta é a Banda Eva. Sob o comando de Felipe Pezzoni, o grupo tocará os sucessos do mais recente disco, Simplesmente Eva, e ainda contará com a participação da brasiliense Adriana Samartini. O preço dos ingressos é de R$ 70 (mulheres) e R$ 90 (homens). Valores de 1º lote.

 

Entrevista // Fernando Guina, vocalista do Carrossel de Emoções

Como surgiu a ideia de fazer um bloco de funk?


A ideia surgiu três ou quatro meses antes da gente fazer o nosso primeiro show, que foi em setembro de 2013. E surgiu pelo fato de a gente ver que tem vários blocos temáticos no Rio de Janeiro. Tem um bloco de reggae, de Tim Maia, Raul Seixas e o funk é um ritmo genuinamente carioca. Por que não misturar esse ritmo com o samba? Começou como uma brincadeira e estamos fazendo isso há dois anos com quase 200 shows pelo Brasil todo.

Em tão pouco tempo vocês conseguiram conquistar um espaço no mercado. Como vocês vêem isso?

Hoje a gente realmente é uma banda do mercado, recebe cotação para vários eventos no Brasil. Recentemente fizemos uma apresentação em uma micareta em Guarapari para dez mil pessoas. Fazemos vários tipos de eventos e isso é muito legal. A nossa ideia sempre foi levar o funk melody de Claudinho e Buchecha, Sapão e MC Sapão para as ruas. Esse funk dos anos 1990 que fez muito sucesso e que a gente curtiu, já que agente uma a faixa dos 30 anos. A gente aposta muito nisso (na mistura do funk e do samba).

Vocês lançaram no ano passado o primeiro EP. Como estão os projetos futuros?

O EP foi lançado em agosto de 2013 em um evento autoral no Morro da Urca. Estamos trabalhando agora em um DVD. Mas as canções do EP, inclusive, tem tocado bastante como É patricinha. O EP tem quatro faixas, duas regravações de Princesa e Carrossel de Emoções, que dá nome ao bloco e inclusive tem participação de Buchecha, e duas inéditas É patricinha e Baile do Carrossel, ambas feitas por Bruno Cardoso, vocalista do Sorriso Maroto.

Vocês se apresentam no sábado na festa Movimento dos Interessados em Sacudir Sua Alma. O que o público pode esperar da apresentação? E como é a relação de vocês com a cidade?

A gente tem um carinho muito grande por Brasília. Na real foi o nosso primeiro show grande fora do Rio de Janeiro. Foi o nosso segundo show oficial. Fizemos a pré-estreia na boate 021 e depois fizemos um show para a galera de Brasília. Começamos com o pé direito. Fomos muito bem recebidos. Já tivemos outras oportunidades também em Brasília. Fizemos um show com o Chiclete com Banana no Mané Garrincha. Estamos agora com um novo show e queremos ver a galera de Brasília aderir o movimento. Estamos muito ansiosos porque será um formato diferente. A expectativa é grande.

Tags: celular

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES