Brasília-DF,
24/JUN/2018

Comediante Carlos Anchieta chega à capital com o espetáculo 'Até o talo'

São três esquetes que dialogam com o público e brincam com os tipos comuns da sociedade brasiliense

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Luana Brasil - Especial para o Correio Publicação:25/07/2014 06:03
Sem talento nenhum, a personagem Karol Line tenta a sorte na carreira artística
 (Alan Santos/Divulgacao)
Sem talento nenhum, a personagem Karol Line tenta a sorte na carreira artística
Humor popular e colorido é o que promete Carlos Anchieta com o espetáculo Até o talo, apresentado pelo projeto Brasília Capital do Riso, neste fim de semana em Taguatinga. São três esquetes que dialogam com o público e brincam com os tipos comuns da sociedade brasiliense. "Minha ideia não é enaltecer o preconceito, mas criticar, sempre com bom humor e energia positiva, uma sociedade que vai contra a liberdade de escolha dos seus indivíduos", define Carlos.

Além de Maria dos Prazeres - que conta suas peripécias ao chegar a Brasília e ir trabalhar como empregada doméstica -, Até o talo promete fazer o público rir com duas outras personagens. Karol Line, um homossexual que sonha em brilhar na carreira de artista, cantora, atriz, modelo e produtora, mas não tem talento para nada.

A outra é Véia Zefa, legítima representante da crendice popular brasileira que representa o sofrimento de uma viúva de quatro maridos. Ela ganha a vida vendendo "garrafadas medicinais". A personagem sofre com as diferenças sociais e conta de forma hilária as dessemelhanças de atitudes dos ricos e dos pobres diante de situações inusitadas.

Até o talo
Sesc Newton Rossi (QNN 27, lote B - Ceilândia Norte; telefone 3301-6320). Amanhã e domingo, às 20h. Ingressos a R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia). Os primeiros 50 assinantes do Correio não pagam. Não recomendado para menores de 14 anos.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES