Brasília-DF,
20/OUT/2018

Musicais sobre Rita Lee e Cássia Eller desembarcam em Brasília

A peça sobre Cássia entra em cartaz na próxima semana e fica na cidade até 26 de janeiro

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Irlam Rocha Lima Publicação:28/11/2014 06:30Atualização:27/11/2014 12:28
Mel Lisboa e Tacy Campos dão vida às cantoras Rita Lee e Cássia Eller, respectivamente (Rafael Vato/Divulgação,Marcos Hermes/Divulgação)
Mel Lisboa e Tacy Campos dão vida às cantoras Rita Lee e Cássia Eller, respectivamente

Brasília Entrou de vez na rota dos musicais. Primeiro veio Beatles num céu de diamantes, depois, Tim Maia — Vale tudo e Cazuza — Pro dia nascer feliz; por último, Elis, a musical.

Na próxima semana, outros dois espetáculos chegam aos palcos da cidade. Rita Lee mora ao lado, protagonizado pela atriz Mel Lisboa, ocupa o Auditório Master do Centro de Convenções Uliysses Guimarães, na sexta-feira e no sábado. Já Cássia Eller — o musical, no qual a atriz e cantora paranaense Tacy Campos dá vida à estrela do rock brasileiro, estreia na próxima quarta-feira, no teatro do Centro Cultural Banco do Brasil, onde cumpre longa temporada até 26 de janeiro de 2015. Não recomendado para menores de 14 anos.

Os ingressos para a peça em homenagem a Rita Lee estão à venda do piso G2 do Brasília Shopping (Avenida W3 Norte) e na Fnac (ParkShopping); já as entradas para a que reverencia Cássia Eller podem ser adquiridas a partir de domingo, ao meio-dia, na bilheteria do CCBB (Setor de Clubes Sul).

Eu recomendo
O grande Wilson das Neves, que se apresentou em junho no Teatro da Caixa, volta àquele espaço em 9 próximo, para fechar a programação do projeto Samba de bamba. Cantor, compositor e baterista da banda de Chico Buarque desde a década de 1980, ele aproveita para divulgar seu trabalho mais recente, o CD Se me chamar, ô sorte, ganhador do 25º Prêmio da Música Brasileira como o melhor disco de samba. Não recomendado para menores de 12 anos.

Estação Primeira
O Réveillon das Cores promoverá a mistura do samba com a axé-music e os ritmos eletrônicos. A festa no Bar do Alemão — com direito a vista para o Lago Paranoá — terá como atrações o cantor e compositor Ivo Meirelles e a bateria da Mangueira, a banda Móveis Coloniais de Acaju (com o show Axé 90) e os DJs Flávio Fat Boy, Daniel Black, Paco, na Pista MyMusic; e os DJs Chicco Aquino, Drezin, Pathhy de Jesus, Gabriel Boni e Luiz Antony, na Pista Mistura Fina. Não recomendado para menores de 18 anos.

Baile funk
Ludmila, a nova sensação do funk carioca, é a atração da quinta edição do Baile da Favorita, na sexta-feira da próxima semana (5), na Arena Lounge do Estádio Nacional Mané Garrincha. Outras atrações são os MCs Marcinho e Sapão e o DJ Tubarão. Não recomendado para menores de 18 anos.

Puro blues
O Espaço Cultural do Choro tem aberto seu palco para outros estilos musicais. Quem se apresenta ali sábado, às 21h, é a Brazilian Blues Band, em show comemorativo dos 20 anos de carreira. Luiz Kaffa (voz), Leonardo Vilela e Célio de Moraes (guitarras), Marçal Ponde (teclados) e Rafael Paez (bateria) vão mostrar composições autorais e arranjos para clássicos do gênero. Não recomendado para menores de 14 anos.

Peças clássicas
Concerto do premiado violinista azerbaijão Rovshan Mamedkuliev é o programa de amanhã, às 20h, no Instituto Cervantes (Entrequadra 707/907 Sul), promovido pela Associação Brasiliense de Violão. O músico, com passagem pelo Carnegie Hall (Nova York) e por outros importantes palcos do mundo, vai interpretar peças de Heitor Villa-Lobos, Francisco Tárrega, Isaac Albeniz, Fikret Amirov e Joquin Turina. Classificação indicativa livre.

Viva Benito!
Retalho de cetim é o nome do show que Nilson Lima, acompanhado pelo violonista Agilson Alcântara, faz hoje, às 20h30, no Vila Madá (Deck Norte/Lago Norte), em homenagem a Benito de Paula. O cantor vai interpretar canções do compositor fluminense, como Mulher brasileira, Do jeito que a vida quer, Charlie Brown e, claro, Retalho de cetim. Classificação indicativa livre.

Solos de guitarra
Alguns dos maiores guitarristas do país estarão reunidos na área externa do Museu da República no próximo dia 10, durante a realização do projeto Brasil guitarras, que tem direção musical de Reco do Bandolim. Em duo, vão se apresentar, a partir das 19h30, Frank Solari e Marcelo Barbosa, Toninho Horta e Lanny Gordin, Edgard Scandurra e Luiz Carlini e Andreas Kisser e Kiko Loureiro, Armandinho e Pepeu Gomes. A programação será aberta pelos brasilienses Haroldinho Mattos, Dillo D’Araújo, Pedro Martins, Alberto Sales, Toninho Maya, Kiko Peres, Bruno Mangueira, Marcus Moraes, Tex e Vitor Fernandes. No repertório, um medley de músicas de Legião Urbana, Capital Inicial, Plebe Rude e Raimundos. Classificação indicativa livre.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES