Brasília-DF,
16/OUT/2018

Automodelismo realiza sonho de muito adulto que quer acelerar nas pistas

Os carros geralmente apresentam motor a combustão ou elétricos alimentados por uma bateria recarregável

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:05/06/2015 08:15Atualização:04/06/2015 17:38
O hobby, que atrai crianças e adultos, exige investimento: alguns equipamentos chegam a custar R$ 6 mil (RC Drift Calango/Divulgação)
O hobby, que atrai crianças e adultos, exige investimento: alguns equipamentos chegam a custar R$ 6 mil
O automodelismo pode ser a chance dos aficionados por carro ficarem mais perto do sonho de dirigir um veículo em alta velocidade — com a diferença que isso vai ser feito por meio de um controle remoto e com o automóvel em escala reduzida.

O empresário e fundador do grupo de automodelismo Calango na Pista, Rubens Kappaun conta que “desde criança, brincava com as famosas Ferraris de controle remoto. Além disso, sempre acompanhei corridas na televisão, da Fórmula 1 e da Nascar”, conta.

Os carros geralmente apresentam motor a combustão ou elétricos alimentados por uma bateria recarregável. A atividade tem várias vertentes, como off-road, on-road e até drift.

“As corridas de velocidade fazem com que os carros quebrem muito. Como 95% das peças são importadas, fica muito caro. No drift é diferente. Os problemas mecânicos são mais simples, além de exigir uma área menor para competir e atrair mais público”, aponta Rubens.

O hobby chama a atenção de crianças e de adultos pela grande possibilidade de personalizar os modelos. “Acho que o mais atraente é a infinidade de peças e acessórios disponíveis, pois você pode transformar o carro da forma que quiser, desde de rodas coloridas a pinturas”, explica.

O empresário ressalta que o custo não é dos mais baratos. “Hoje, com a alta do dólar, para ter um equipamento de iniciante, é preciso gastar, em média, de R$ 1,8 mil a R$ 2 mil. Mas há equipamentos de mais de R$ 6 mil”, afirma.

“É possível comprar bolhas, que são a carenagem. Isso permite que você tenha carros de cores diferentes, trocando apenas esse item. Hoje, uma delas custa R$ 150”, explica Rubens.

Onde correr

Calango da Pista
(Shopping Popular, Parque Ferroviária de Brasília; 3234-3115). O grupo se reúne no estacionamento do local, onde criaram uma pista. É cobrada uma taxa de R$ 15 para manutenção. Informações na página do Facebook do grupo.

Parque de Modelismo de Brasília
(Setor Terminal Sul, Asa Sul; 3345-4574). O parque é aberto ao público para visitação. Para fazer parte, é preciso fazer parte da Associação Brasiliense de Aeromodelismo, que cobra R$ 60 por mês mais R$ 100 de inscrição.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES