Brasília-DF,
15/AGO/2018

Cia. de Teatro Nu Escuro aprensenta comédia 'Pitoresca' neste fim de semana

Com direção de Hélio Fróes, a peça incorpora relatos de cientistas e artistas europeus

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:04/03/2016 06:02

Pitoresca encerra trilogia da trupe do Teatro Nu Escuro (Layza Vasconcelos/Divulgação)
Pitoresca encerra trilogia da trupe do Teatro Nu Escuro
 

A comédia Pitoresca, da goiana Cia. de Teatro Nu Escuro conta a história de uma índia velha e grávida que observa a história do Brasil há 400 anos e tenta compreender a formação das identidades do país.


Com direção de Hélio Fróes, a peça incorpora relatos de cientistas e artistas europeus, além da autobiografia de um escravo africano e diários de viagem de aventureiros.

“São relatos costurados em que uma índia vai narrando a história a partir do olhar dela. É importante essa visão porque não chegou a nós esse viés indígena”, conta o diretor.

No palco, a trupe utiliza bonecos e máscaras e executa ao vivo a trilha para se aproximar da plateia. “Temos uma necessidade muito forte de interagir com o público, de impactar sensorialmente”, explica.

Depois de Plural (2012) e Gato negro (2013), Pitoresca encerra, com uma abordagem mais ampla, a trilogia Goyaz. “Pitoresca é o trabalho mais abrangente, fala muito do Brasil como um todo”, comenta. (AP)

SERVIÇO

Pitoresca
Com a Cia. de Teatro Nu Escuro e direção de Hélio Fróes. Teatro Sesc Garagem (713/913 Sul). Hoje, às 15h e às 20h. Amanhã e domingo, às 20h. Entrada franca. Classificação indicativa: 12 anos. Informações: 3445-4415.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES