Brasília-DF,
17/DEZ/2018

Evento em homenagem a São Jorge movimenta Chapada dos Veadeiros

Em homenagem ao santo padroeiro da região, a Chapada dos Veadeiros recebe festival de música e gastronomia

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:22/04/2016 07:05Atualização:21/04/2016 20:10
 Os índios Fulni-ô participarão da festa com danças e cantos tradicionais (Juliana Leitao/DP/D.A Press)
Os índios Fulni-ô participarão da festa com danças e cantos tradicionais
 
Rodeada de cachoeiras e enfeitiçada pela energia dos cristais, a Chapada dos Veadeiros é o lugar ideal para fugir dos ruídos urbanos e apreciar a natureza com programações alternativas. Neste fim de semana, o ponto de encontro dos amantes da vida natural será a Vila de São Jorge, que estará em clima de festa em homenagem ao santo padroeiro da região. “Queremos fazer uma vivência com várias pessoas; e já que também é época de comemorar o Dia do Índio vai ser uma festa bem especial”, afirma o presidente da Casa de Cultura Cavaleiro de Jorge, Juliano Basso.
 
Amanhã a festa será animada com shows de Maracatu Leão do Cerrado, Turma Que Faz, Trio Copaíba e Conrado Pera.
Inspirado nos cortejos do maracatu Nação Porto Rico, de Recife, o grupo Leão do Cerrado abre o festejo com os encantos do ritmo nordestino. “Vamos seguir com um cortejo cênico, andando pelas ruas de São Jorge e convidando a comunidade para tocar também”, adianta  o batuqueiro Victor Viana, que revela estar “ansioso” para o evento. A celebração começará nas ruas de barro da Vila e seguirá para a Casa de Cultura onde os demais músicos subirão ao palco para dar continuidade à noite de shows. “Queremos que todos participem com muita alegria. Já que São Jorge é nosso padroeiro, tocar para ele traz um sentimento enorme de gratidão”, completa Viana.

Tambores

O segundo grupo a se apresentar será a Turma que Faz, acompanhada da artista Doroty Marques, com o espetáculo Peña Folclórica. Entoadas por tambores, violas e sanfonas, músicas do universo sul-americano compõe a obra e mostram os encantos artísticos de crianças e adolescentes da região. Já para representar as riquezas da cultura indígena, os índios Fulni-ô participarão da festa com danças típicas e cantos que louvam São Jorge e as crenças das florestas. Vindos do nordeste, eles entoarão canções no idioma tradicional, Ia-tê.
 
Segundo Thiago Ferreira, integrante e criador do Trio Copaíba, será a primeira vez que a banda participará de um evento em Goiás. “Sempre será muito importante participar de eventos culturais como esse. Esperamos atingir com uma boa apresentação as pessoas que estarão celebrando esta data”, acrescenta. “Como o forró veio da nossa origem cultural, nada mais justo que ele para representar celebrações de santos e crenças. Tudo isso é muito comum em nossa cultura”, finaliza Ferreira.

Serviço

Vila de São Jorge
Chapada dos Veadeiros. Amanhã, às 20h, cortejo com maracatu Leão do Cerrado; às 21h Peña Folclórica, com Turma que Faz e Doroty Marques; às 22h, tradicional galinhada do Cavaleiro; às 23h, apresentação do povo indígena Fulni-ô; à 0h, Baile de São Jorge Glorioso com músicos convidados. Entrada franca. Classificação indicativa livre.


COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES