Brasília-DF,
14/NOV/2018

Conhecido por imitar Dilma Rousseff, Gustavo Mendes volta à cidade com espetáculo 'Atrevido'

O comediante promete um show completamente diferente de tudo que apresentou até agora

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Alexandre de Paula- Especial para o Correio Publicação:13/05/2016 06:00Atualização:12/05/2016 14:06

Mendes garante não expressar opinião política em cena  (Band/Divulgação)
Mendes garante não expressar opinião política em cena

Lembrado principalmente pela imitação de Dilma Rousseff, o humorista Gustavo Mendes volta a Brasília neste fim de semana com o show Atrevido e promete um espetáculo totalmente diferente de tudo que apresentou até agora.

“Claro que vai ter a imitação da presidente, até porque acho que apanho se não fizer. Mas é algo completamente distinto dos meus trabalhos anteriores. Rasguei tudo que tinha, todas as piadas antigas, para começar do zero”,  garante Gustavo Mendes.

Interpretar Dilma, no atual cenário político, não é lá muito agradável, afirma o comediante. “Virei meio que bode expiatório. Quem é a favor acha que sou contra e quem é contra acha que sou a favor”, conta. Em cena, Mendes garante não ter lado. “Eu faço piada com o passado, evito dar opiniões e fazer previsões. Até por respeito pelo público que pagou para ver teatro e não comício”, argumenta.

Apesar de manter a imitação da petista, Mendes diz que Atrevido passa longe da temática política. Para criar o novo espetáculo, Mendes foi buscar lembranças da infância que fizeram parte da sua formação. Além disso, o ator questiona no texto a busca pela felicidade. “É algo que todos queremos e eu tento entender o que é, se a felicidade está aí”, comenta.

 

Duas perguntas Gustavo Mendes

Atrevido é um show novo, com proposta diferente dos anteriores. O que mudou?

É totalmente diferente. Eu sou muito inquieto, vinha, há seis anos, fazendo Mais que Dilmais. Rasguei todas as minhas piadas, parti do zero para um show novo. Tem mais a minha cara, sou um comediante mais maduro. Tem musicais autorais, uma luz toda diferente e desenhada para o espetáculo. É um trabalho todo novo, nada é reaproveitado, não é um truque. Brinco que de velho só tem eu.

Preparou alguma piada sobre o governo Temer?

Eu tenho várias piadas sobre isso, mas como esse o show não tem foco político e não é um show sobre a Dilma, pode ser que eu dê pincelada, mas só. Não é um texto político. Vou me manter fiel a isso e fazer um show engraçado e bonito.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES