Brasília-DF,
21/JUL/2018

Stand Up Paddle é uma boa pedida para curtir o Dia dos Namorados

Praticado em duplas, o SUP alia exercício físico, tranquilidade e romantismo durante o ano todo

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:10/06/2016 07:45
Casal de namorados Paulo Domingos Pena e Luísa Chaves praticando Stand Up Paddle. (Arquivo Pessoal/Divulgação)
Casal de namorados Paulo Domingos Pena e Luísa Chaves praticando Stand Up Paddle.
 
Fazer exercício físico não precisa ser uma prática solitária. Alguns esportes, apostam na parceria de uma dupla para atingir bons resultados. Se a companhia é do cônjuge, então, pode ser até um modo saudável de comemorar o Dia dos Namorados.
 
O stand-up paddle surfing ou, apenas SUP, alia contato com natureza e benefícios para a saúde. O esporte traz muitos benefícios para o corpo e para a mente. A modalidade pode ser difícil para principiantes por conta do equilíbrio. Entretanto, é uma atividade sem restrições, podendo ser praticada por mulheres e homens.

O SUP encontrou um cenário especial em Brasília: o Lago Paranoá. Débora Lima, 25 anos, e João Ferreira, 27, gostam muito do esporte, principalmente por ser uma novidade para eles. “A gente gosta muito porque foge da diversão tradicional dos barzinhos, cinema, parque. Acaba sendo algo bacana para se fazer e aproveitar o lago que temos”, comentou Débora.
 
Para João, o SUP tem várias características que o tornam romântico: “Apesar de não ser um jantar ou algo do gênero, o romantismo aparece por estarmos só nós dois naquele visual maravilhoso, paramos um pouco para tomar um sol, tirar fotos — tudo isso favorece”. O estudante acredita também que é um ótimo momento para refletir e curtir o momento sem preocupações.

Do ponto de vista físico, o SUP garante uma altíssima queima calórica e exige do praticante um trabalho de força constante, além de consciência corporal para se equilibrar em uma prancha. O esporte oferece ainda outras vantagens, como estar em um ambiente tranquilo, longe da poluição sonora e em contato com a natureza.
 
O casal Paulo Domingos Pena, 25 anos, e Luísa Chaves, 26 anos, se sente mais leve após uma volta no Lago em cima da prancha. “O barulho da cidade some, sem preocupações com horários e rotina, e, consequentemente, desestressa. Praticar uma atividade com a namorada é a melhor coisa do mundo, então tudo fica melhor”, disse o romântico Paulo.
 
O esporte tem origem nas ilhas havaianas. No Brasil, mais especificamente nas regiões litorâneas, a migração de atletas de outros esportes náuticos estimulou a popularização do Sup. Estrelas internacionais como Laird Hamilton, Gerry Lopez, Dave Kalama e Robbie Naish são grandes responsáveis por difundir o esporte nos anos 1990 e até hoje.

ONDE PRATICAR 
 
Clube do Vento
(Clube Naval - Sces Tc. 2, cj. 13; 98124-8596) Preço: R$ 35 (aluguel por hora).
Katanka
(Sces tc. 4, cj.11; 98172-5233) Preços: R$ 65 (aula); R$ 40 (aluguel grupo por 1h30); R$ 255 (mensalidade no Plano família).
SUP Brasília
(Ascade - Sces Tc. 2, cj.10; 98120- 2222). Preço: R$ 30 (aluguel por hora)

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES