Brasília-DF,
25/FEV/2018

Coluna sons da noite destaca bossa nova, Seu Jorge e baladas

Mistura fina e 5uinto comemoram nove anos de badalo, Seu jorge toca no Na praia e Moreno Veloso encanta no Teatro da Caixa

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:02/09/2016 07:00
 
Moreno Veloso participa de projeto da compositora Beatriz Azevedo no Teatro da Caixa   (Caroline Bittencourt)
Moreno Veloso participa de projeto da compositora Beatriz Azevedo no Teatro da Caixa
 
Pop modernista
 Distante dos palcos brasilienses há três anos, quando se apresentou no Centro Cultural Banco do Brasil, Moreno Veloso volta à cidade em breve, para participar do projeto antroPOPhagia, que a compositora, poeta e performer Beatriz Azevedo protagoniza de 30 de setembro a 2 de outubro, no Teatro da Caixa. O trabalho da artista carioca, que tem por base álbum homônimo, gravado em Nova York, traz sonoridade contemporânea e referências do Modernismo de Oswald de Andrade. Na série de shows, acompanhada pelo pianista Cristovão Bastos, Beatriz conta com outros convidados: o cantor e compositor Vinicius Cantuária e o VJ Notívago. Não recomendado para menores de 12 anos.

Eu recomendo 
Clara Nogueira é a convidada na abertura da segunda edição do projeto Samba nas Feiras, domingo, às 11h, na Feira da Torre de TV. No show, acompanhada pelo Adora Roda e convidados, ela vai prestar homenagem a Teresa Cristina. A cantora, parceira de Diego Pedigree, Kadu Nascimento, Luan Caeté e Vinicius de Oliveira integra os grupos Bamba nos Eixos e Junto & Misturado. Classificação indicativa livre.

Na estrada
A Cor do Som, ícone do pop brasileiro, retomou a carreira em janeiro último, ao se apresentar no Rio de Janeiro, com sua formação original: os irmãos Dadi e Mu Carvalho, Armandinho Macedo, Gustavo Schroeter e Ary Dias. Desde então tem levado a turnê Na estrada a várias cidades brasileiras. No dia 24 próximo, o brasiliense vai poder curtir, novamente, a banda e revisitar clássicos como Abri a porta, Beleza pura, Menino Deus e Zanzibar, em show no Centro de Convenções Ulysses Guimarães. Os ingressos estão à venda no G2 do Brasília Shopping.
 
Seu Jorge tocará no encerramento do Na praia   (Elio Rizzo)
Seu Jorge tocará no encerramento do Na praia

 
Última atração
Seu Jorge voltará à capital na próxima terça-feira. No show que fará pelo projeto Na Praia, como última atração do projeto, ele revisita sucessos de sua carreira como Burguesinha, Felicidade, Mina do condomínio, Pretinha e Seu olhar. Não recomendado para menores de 18 anos.

Dupla balada
Duas das mais badaladas festas brasilienses, a Mistura Fina e a 5uinto se juntam na comemoração dos 9 anos de agito. A balada será no dia 6 próximo (véspera de feriado),na Ascade (Setor de Clubes Sul) tendo como atrações dois DJs internacionais, o alemão Phonique e o paulistano Gui Borato. Os brasilienses Chicco Aquino, Drezin e Komka também vão discotecar. Não recomendado para menores de 18 anos.

O DJ Chicco Aquino toca na Ascade no dia 6 de setembro  (PaulaCarrubba/Divulgação)
O DJ Chicco Aquino toca na Ascade no dia 6 de setembro
 
 
Bossa oriental
Muitos artistas brasileiros dizem que, atualmente, se ouve mais bossa nova no Japão do que no Brasil. Uma das responsáveis por isso é a cantora nipônica Tsubasa, que interpreta o estilo musical, criado por Tom Jobim, Vinicius de Moraes e João Gilberto, em seu país de origem. Amanhã, às 11h30, ela faz show no Clube da Bossa (Teatro Sílvio Barbato do Sesc/Setor Comercial Sul) ao lado da brasiliense Yara Gambirasio. Classificação indicativa livre.

Nas escolas
Bossa nova na minha escola é o nome do projeto que o grupo musical Simplesmente nós leva hoje à Escola Classe 3 do Guará. Às 11h e às 13h30, a cantora Enya Roux e o violonista apresentam aula-espetáculo, interpretando canções de Tom Jobim e Vinicius de Moraes, como Chega de saudade, Eu sei que vou te amar e Garota de Ipanema e conta a história do movimento. Uma oficina faz parte também do evento que, depois de estrear no Recanto das Emas, vai passar por escolas de outras cidades do Distrito Federal. Classificação indicativa livre.
 
Tributo a Dylan
O poeta e violeiro Joe Silhueta, artista que transita entre várias linguagens, é um representante da nova música feita em Brasília. Investindo forte em seu trabalho, ele vai marcar presença em três importantes eventos neste semestre: os festivais Porão do Rock (como 
vencedor da primeira eliminatória) e Satélite 061, e do projeto Móveis Convida. Antes, no próximo dia 7, acompanhado por sua banda, ele faz show no teatro do Centro Cultural Banco do Brasil e mostra canções do CD Dylanescas, como parte da programação do festival de cinema Capital na Tela. Não recomendado pra menores de 12 anos.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES