Brasília-DF,
16/JUL/2018

Coluna Sons da Noite mostra como a crise chegou ao showbiz e mais

Confira os shows, festas e eventos que são destaques na coluna Sons da Noite

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Irlam Rocha Lima Publicação:28/10/2016 06:50Atualização:27/10/2016 18:40

O grande encontro, Elba Ramalho, Alceu Valença e Geraldo Azevedo reuniram 3 mil pessoas, na última sexta-feira, no Auditório Master do Centro de Convenções Ulysses Guimarães (Livio Campos/Divulgação)
O grande encontro, Elba Ramalho, Alceu Valença e Geraldo Azevedo reuniram 3 mil pessoas, na última sexta-feira, no Auditório Master do Centro de Convenções Ulysses Guimarães

 

Shows compartilhados

A crise que se abate sobre diferentes setores do país chegou também à área do showbiz. Para minimizar os efeitos, na hora de organizar as turnês —  mesmo de nomes consagrados da MPB —, os produtores têm usado a estratégia de juntar dois ou mais artistas num mesmo espetáculo. O intuito, certamente, é o de atrair públicos diversos e viabilizar a bilheteria.

O resultado, pelo visto, tem sido satisfatório. Em O grande encontro, Elba Ramalho, Alceu Valença e Geraldo Azevedo reuniram 3 mil pessoas, na última sexta-feira, no Auditório Master do Centro de Convenções Ulysses Guimarães. É lá onde Almir Sater e Renato Teixeira fazem o show Viola de ouro, no dia 19 próximo.

Um pouco antes, no dia 10, Maria Gadu e Céu dividem o palco do Net Live (Orla Norte do Lago Paranoá). Já Victor & Léo (foto) e Zezé Di Camargo & Luciano se apresentam no dia 2 de dezembro, no Ginásio Nilson Nelson. Não recomendado para menores de 16 anos.

Eu recomendo

Cris Pereira, sambista de primeira linha da cidade, homenageia Martinho da Vila na sequência do projeto Samba nas Feiras, domingo, às 11h, na feira do Núcleo Bandeirante. Ela interpreta clássicos como Canta canta, minha gente, Disritmia, Ex-amor, Mulheres e Roda de ciranda, acompanhada pelo grupo formado por músicos do Adora Roda e Filhos de Dona Maria. A entrada é franca. Classificação indicativa livre.

Durval & convidados
Durval Lelys, que foi uma das atrações do projeto Na Praia, volta a Brasília em 16 de dezembro, para comandar a festa Benzadeus, na Hípica Hall (próximo ao Jardim Zoológico). No evento o ex-líder do Asa de Águia, vai ter como convidados o cantor Thiago Nascimento e as cantoras Adriana Samartini e Bell Lins (ex-The voice). Não recomendado para menores de 18 anos.

Consciência negra

Circuito repique do tambor é o nome do projeto que o Teatro da Caixa acolhe do dia 17 a 20 próximos, como parte da programação comemorativa do mês da Consciência Negra. Na abertura o Olodum convida Raquel Coutinho. Na sequência se apresentam Ilê Aiyê e Maíra Freitas; Marco Lobo e Mariene de Castro; B Negão e André Sampaio e os Afromandinga. Não recomendado para menores de 12 anos.

Festa badalada
Baile da favorita, a mais badalada festa do funk carioca, retorna à capital e ao Arena Lounge do Estádio Nacional Mané Garrincha, no sábado da próxima semana. As atrações são Ludmilla, Nego do Borel, Sapão e os DJs Wally e Helen Sancho. Os ingressos estão à venda na rede de lojas Mormaii e na Bilheteria Digital (Pátio Brasil, Liberty Mall, Brasília Shopping e Boulevard Shopping). Não recomendado para menores de 18 anos.

Bem avaliado
Um dos novos destaques da música pernambucana, o elogiado cantor, compositor e pianista Zé Manoel faz seu primeiro show em Brasília, na próxima terça-feira. Ele traz para o Espaço Cultural do Choro, o show com o qual está em turnê pelo país, para lançar Canção e silêncio, segundo CD, produzido por Carlos Eduardo Miranda, com arranjos do maestro baiano Letieres Leite. Não recomendado para menores de 14 anos.

Ritmos calientes
O encontro de dois grandes músicos vai encher o Feitiço Mineiro de criativos sons percussivos, amanhã, a partir das 22h. Em show que fecha a programação comemorativa dos 27 anos do bar e restaurante da 306 Norte, o maranhense Carlos Pial e o cubano Felix Valoy vão tocar salsas, rumbas e boleros clássicos para deixar todo mundo aceso. Não recomendado para menores de 18 anos.

Trilha sonora
A convite da Distribuidora Arco-Iris, estarei hoje, a partir das 16h, autografando Minha trilha sonora – 40 anos de jornalismo cultural, na Bienal Brasil do Livro e da Leitura. O evento, que ocupa o anel externo do Estádio Nacional Mané Garrincha, vai até domingo. A entrada é franca. Classificação indicativa livre.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES