Brasília-DF,
22/FEV/2018

Novos Candangos apresenta adaptação de clássico de Nelson Rodrigues

Com uma roupagem "dark-freak-trash e despojada", 'Perdoa-me por me traíres' fala de desejo e vingança

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Isabella de Andrade - Especial para o Correio - Publicação:04/11/2016 06:23Atualização:03/11/2016 18:12
Nas palavras do diretor, a montagem é %u201Cuma tragédia-neo-trash-candanga%u201D (Dani Azul/Divulgação)
Nas palavras do diretor, a montagem é %u201Cuma tragédia-neo-trash-candanga%u201D

A mostra monstra aproveitou o meses de outubro e novembro para levar o clima de terror para os palcos. Neste fim de semana, é a vez do grupo Novos Candangos, com o espetáculo Perdoa-me por me traíres. Os anfitriões da casa apresentarão uma adaptação “dark-freak-trash e despojada” do clássico de Nelson Rodrigues, que conta a história de Glorinha, objeto de desejo do tio Raul, que a criou desde criança após ter assassinado a mãe da menina.
 
O diretor da peça, Diego de Leon, conta que a montagem foi inspirada no musical de terror-trash Rocky horror picture show. “Gostamos de dizer que é uma tragédia-neo-trash-candanga, porque misturamos uma tragédia carioca e um musical trash para criar algo novo”, conta o diretor.
 
A sonoplastia e a iluminação entram como elementos essenciais para criar a atmosfera de suspense e terror que caracterizam as obras de terror. Diego conta que o grupo utiliza a atmosfera onírica, de sonho, mas com doses de medo e aflição, “Dignos daqueles pesadelos que nos fazem acordar de sobressalto. Porém, como todo texto de Nelson Rodrigues, ele é carregado de um humor particular que tempera o espetáculo”, afirma.

Serviço
Perdoa-me por me traíres
Com o grupo Novos Candangos.  Teatro Plinio Marcos (Funarte). Hoje e amanhã, às 21h, e domingo, às 20h. Ingressos a R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia). Não recomendado para menores de 16 anos.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES