Brasília-DF,
23/AGO/2017

Exposição 'Ozi - 30 anos de Arte Urbana' faz releitura da arte de rua brasileira

A exposição na Caixa Cultural traça uma trajetória da carreira do artista

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Nahima Maciel Publicação:13/01/2017 06:30Atualização:12/01/2017 14:17
A arte urbana brasileira tem panorama traçado na Caixa Cultural (Zeca Caldeira/Divulgacao)
A arte urbana brasileira tem panorama traçado na Caixa Cultural

Ozi é um dos pioneiros do graffiti no Brasil. Quando ele começou, nos anos 1980, os meninos que desenhavam nos muros da cidade de São Paulo eram vistos como delinquentes. Hoje, o graffiti virou um fenômeno que ocupa até mesmo as galerias e bienais de arte.
 
Ozi foi um dos nomes fundamentais para que isso acontecesse e a exposição Ozi - 30 anos de Arte Urbana, na Caixa Cultural conta a trajetória desse artista que não tinha medo de sair às ruas para desenhar mensagens contra a ditadura militar e a repressão.
 
“A gente deu a cara a tapa”, conta. A exposição tem uma parte bastante biográfica, com vídeos, documentos, fotografias e exemplares dos desenhos criados pelo artista. Essa é a primeira vez que Ozi ganha uma retrospectiva. Ele ficou contente de ver o trabalho reunido na Caixa. Ele lembra que artistas urbanas não costumavam ser tratados com muita deferência. Hoje, eles são responsáveis até por projetos de inserção social, especialmente nas periferias.

SERVIÇO
Ozi – 30 anos de Arte Urbana no Brasil
Exposição de Ozi. Abertura hoje (10/01), às 19h, na Caixa Cultural(SBS - Quadra 04 - lotes ¾) Visitação até 26 de fevereiro, das 9h às 21h.


COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES