Brasília-DF,
04/JUN/2020

Série A Teia relata acontecimentos da vida policial e histórias do crime

Emissoras investem em séries sobre as forças de segurança. Especialistas avaliam os benefícios e os riscos dessa escolha

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:26/01/2014 07:08

 Com cenas gravadas na Ponte JK, série A teia mostra o cotidiano das ações policiais (Estevam Avellar/TV Globo)
Com cenas gravadas na Ponte JK, série A teia mostra o cotidiano das ações policiais

As séries policiais têm espaço cativo na grade das tevês fechada e aberta. Nas emissoras brasileiras, as produções do gênero ganharam espaço, sobretudo após os sucesso de filmes como Tropa de elite (a maior bilheteria do cinema nacional). Prova disso é que a Globo estreia terça-feira (28/01) o seriado A teia, a partir das 23h, e a Record planeja, para 2014, a continuação de A lei e o crime, que está fora do ar desde 2009.

A minissérie da Globo aborda a ação policial. Durante a produção, uma equipe da Polícia Federal prestou consultoria aos atores e aos diretores da atração — cenas foram gravadas no Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek e na Ponte JK. No entanto, a escolha pelo realismo aumentou a violência do programa, fazendo com que os editores da emissora tivessem que cortar algumas partes do seriado.

A série, de 10 capítulos, abusa de cenas que mostram torturas e perseguições policiais — não à toa, é criação dos mesmos roteiristas de Tropa de elite (1 e 2). Para a crítica de tevê Patrícia Kogut, o excesso de violência deve ser monitorado. “Os adultos têm discernimento e inteligência para realidade e ficção, as crianças nem tanto”, alerta a especialista. Nilson Xavier, autor do Almanaque da telenovela brasileira, entende que a violência prende o público. “O policialesco é muito atraente”, afirma.

Tânia Montoro, doutora em cinema e televisão da Universidade de Brasília (UnB), acha que produções como A teia têm um componente de divulgação “maquiada” da atividade policial. “Acho que dá uma maior visibilidade ao trabalho do profissional. A população, porém, já sabe distinguir a realidade da dramaturgia.”

Assista ao trailer da série A teia:

 

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES

EVENTOS






OK