Brasília-DF,
22/SET/2017

Longa-metragem 'Invictus' narra a luta de Nelson Mandela pela paz mundial

O mestre africano ganha olhar cinematográfico de Clint Eastwood em Invictus

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:27/06/2014 06:01
Morgan Freeman foi bastante elogiado por sua atuação em Invictus (	Warner Bros/Divulgação)
Morgan Freeman foi bastante elogiado por sua atuação em Invictus

Dirigido por Clint Eastwood, o longa Invictus é inspirado não somente no líder sul-africano, mas também no poema que o levou a continuar sua luta na prisão, escrito pelo inglês William Ernest Henley. O filme tem no elenco Matt Damon, como Fraçois Pienaar, e Morgan Freeman, na interpretação de Nelson Mandela. Lançada em 2009, a produção teve boa aceitação do público e da crítica, além de ter rendido indicações ao Oscar para os atores principais.

Ao sair da prisão após 27 anos, em fevereiro de 1990, Nelson Mandela voltou a lutar pelos direitos do povo sul-africano, que vivia um período turbulento nos últimos anos de Aphartheid. Ao ser eleito presidente da África do Sul, em 1994, o líder teve um longo caminho a percorrer para livrar o país da ainda presente segregação racial. Prestes a receber a Copa do Mundo de Rugby, em 1995, Mandela vê ali a oportunidade de usar o esporte para unir brancos e negros sul-africanos.

A jornada longa e difícil expõe todo o poder diplomático que Madiba, como era carinhosamente chamado pelo povo, tinha para despertar a consciência sobre igualdade e aceitação entre as pessoas. Junto do capitão da seleção de rúgbi, ele consegue estimular o time para que os negros apoiassem o que antes era considerado um símbolo do domínio segregacionista e deixassem as diferenças apenas no passado do país.

Invictus

Neste sábado (28/6), às 14h30, no Space.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES

EVENTOS






OK