Brasília-DF,
23/SET/2017

Em entrevista, produtor de Catfish adianta as novidades da terceira temporada da série

Com situações inusitadas e um quê de Sherlock Holmes, o programa retorna à programação da MTV nesta quarta-feira, às 21h

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:13/07/2014 06:04
Neste ano, o reality show promete um quê de detetive (MTV/Divulgação)
Neste ano, o reality show promete um quê de detetive

“Menos romance e mais ação”. É assim que o cineasta Max Joseph, produtor de Catfish, define a terceira temporada do reality-show, em entrevista exclusiva ao TV+. Com situações inusitadas e um quê de Sherlock Holmes, o programa retorna à programação da MTV nesta quarta-feira, às 21h. Logo após o episódio, o canal ainda exibe Catfish Especial: os casos não revelados, às 21h45, que reúne depoimentos de pessoas que participaram da atração.

Com um quê tecnológico e jovem, a série promove o encontro de casais que se falaram pela internet ao longo de meses, mas que até então não se conheciam pessoalmente. O desfecho, geralmente, é completamente inusitado e supera — ou acaba de vez — com todas as expectativas de um relacionamento real.

Na nova temporada, haverá uma surpresa: familiares traiçoeiros, celebridades em busca de fãs obcecados, polícia, pessoas se passando por famosos produtores musicais e golpes que resultam na perda de dezenas de milhares de dólares prometem agitar os novos episódios.

Neste ano, também será permitido abusar da tecnologia. Em meio a diferentes técnicas investigativas, Max Joseph e o produtor Nev Schulman terão direito a pesquisas reversas de telefones e mapeamento de fotos. “Esta temporada é muito mais móvel, e nós realmente nos sentimos como detetives”, afirmou Schulman.

O reality tem uma significativa legião de fãs, inclusive brasileiros. De acordo com Max, a atração recebe muitos pedidos de versões tupiniquins. Perguntado sobre o porquê de tamanho sucesso, ele é categórico: “A internet ocupa uma parte muito grande do nosso dia a dia. Isso tem mudado a forma como nos relacionamos com as pessoas, e nenhum programa tinha falado disso exclusivamente”.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES

EVENTOS






OK