Brasília-DF,
20/SET/2017

Programas da tevê aberta brasileira disputam cada vez mais a audiência de domingo

Mesmo com atrações muito parecidos, apresentadores disputam a tapa cada ponto da audiência

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Vinicius Nader Publicação:10/07/2016 07:00Atualização:08/07/2016 14:19

Marcio Garcia deixa os folhetins para, mais uma vez, dar lugar ao animador (lobo/Artur Meninea)
Marcio Garcia deixa os folhetins para, mais uma vez, dar lugar ao animador


Domingo é dia de as famílias se reunirem em frente à tevê e curtir um programa de auditório que agrade a todas as faixas etárias. A guerra pela audiência é ponto a ponto. Se há pouco tempo valia tudo por esses índices mágicos — de sushis eróticos a moças seminuas em banheiras —, hoje a aposta está em atrações musicais e brincadeiras que envolvem famosos e anônimos. Isso sem falar nas famigeradas pegadinhas. Entre as novidades estão as estreias de Tamanho família, hoje, na Globo; e de João Kleber Show, há cerca de um mês na Rede TV! Confira o que você pode curtir hoje no sofá!

De volta à apresentação

Híbrido entre ator e apresentador, Marcio Garcia pula de uma função para a outra, destacando-se poucas vezes numa ou na outra. Agora é a vez de dar vazão ao lado animador do bonitão. Estreia hoje, na Globo, o game show Tamanho família.


O programa mostrará uma fórmula conhecida — poucas são as inovações guardadas para os domingos: a família de um famoso enfrenta os parentes de um anônimo (ou de outro famoso) em uma disputa de perguntas e respostas. “Conseguimos transformar a família em um programa. Foi mudando, se transformando e hoje podemos dizer que é um programa de variedades em que a gente tenta mostrar a realidade do cotidiano familiar. A gente vê lágrimas, alegria e muita diversão no palco”, disse Marcio na coletiva de imprensa.

No primeiro episódio, Marcio recebe Bruna Marquezine e Juliana Paes. Anitta, Fabiana Karla, Artur Aguiar e Tom Cavalcante devem ser os próximos convidados. A parte musical fixa ficará a cargo da Família Lima.

Para a família

João Kleber: %u201CO domingo à noite precisava de um apelo que não fosse mulheres nuas ou futebol%u201D (Artur Igrecias/Divulgação)
João Kleber: %u201CO domingo à noite precisava de um apelo que não fosse mulheres nuas ou futebol%u201D

“Meu programa tem a minha cara. É para toda a família. O domingo à noite precisava de um apelo que não fosse mulheres nuas ou futebol”, afirmou, ao Correio, João Kleber sobre o novo João Kleber Show. Na atração, João Kleber dá um tempo dos casos polêmicos do Teste de fidelidade e, agora, investe em quadros de calouros, entrevistas com personalidades nacionais e internacionais, e shows de drag queens.
“São drags maravilhosas, daquelas que se apresentam em boates e que não vemos mais na tevê brasileira. Minha inspiração foi no RuPaul”, contou João Kleber.


O apresentador também revelou que a maior preocupação dele é se divertir. “Audiência é consequência. No momento, estou mais preocupado com a qualidade do meu trabalho e com a formatação do programa. Ele ainda está em processo de mudança, está sendo criado no ar”, filosofa.

Competições em alta

Sem novidades criativas, Fausto Silva investe em realities
Sem novidades criativas, Fausto Silva investe em realities

Há 27 anos e com a mesma fórmula, o Domingão do Faustão sobrevive com raros lampejos de novidade. As poucas exceções ficam por conta dos realitys shows. Atualmente, Os iluminados está na segunda temporada. Com direito à presença do brasiliense Guga Carmafeu na disputa. Nas duas últimas semanas, ele foi classificado para o show seguinte, na repescagem.


Ainda para este ano, Faustão já anunciou que a próxima temporada de Dança dos famosos vem aí. Os atores Nicolas Prattes e Letícia Lima são nomes dados como certos no reality que consagrou Viviane Araújo no ano passado.

O rei...

Silvio Santos é tido como o mestre entre os apresentadores brasileiros
Silvio Santos é tido como o mestre entre os apresentadores brasileiros

Silvio Santos é nome certo quando falamos de programas de auditório no Brasil. Espécie de mestre da arte de apresentar, Silvio já conquistou várias gerações de fãs. E não pense que ele parou no tempo. É rara a segunda-feira em que uma peripécia ou frase de efeito — “dizem que estou caducando”, disse na entrega do último Troféu Imprensa — deixa de bombar na internet. Para o bem ou para o mal, diga-se, pois às vezes são comentários machistas que ganham espaço.


No mais, o programa de Silvio é o mesmo de sempre. Quadros clássicos, como Qual é a música? e Roletrando, mudam de nome conforme o patrocinador e ganham cenário novo. Mas não saem da programação, assim como os quadros em que anônimos são alvos de brincadeiras com a câmera escondida.

… E os súditos

Rodrigo Faro não tem pudor para agradar ao público (Edu Moraes/Divulgação)
Rodrigo Faro não tem pudor para agradar ao público

Como todo bom mestre, Silvio Santos tem aprendizes. Eliana e Rodrigo Faro são, assumidamente, parte dessa turma. Eliana começou a carreira solo no SBT, foi para a Record e voltou para a antiga casa. Lá, comanda o programa que leva o nome dela e tem quadros que exploram a emoção do público, como Sueli na sua casa e Sua história vale mil. O toque de contemporaneidade vem com Fenômenos do YouTube.


Já Rodrigo Faro herdou a cara de pau de Silvio Santos. O ex-ator e ex-cantor se joga com toda a força no Na hora do Faro. No palco, sem nenhum pudor, ele refaz casamentos, proporciona reencontro de parentes afastados e se traveste como cantores no quadro Dança, gatinho. Madonna, Sidney Magal e Xuxa foram alguns dos “homenageados”. O domingo é um dos dias em que mais vale a máxima de que na tevê “nada se cria, tudo se copia”.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

BARES E RESTAURANTES

EVENTOS






OK