Brasília-DF,
23/AGO/2017

Longa Hijab mostra mulheres cariocas que optaram pela religião islâmica

Hijab é a palavra árabe que define proteção, cobertura - e é o termo usado para descrever a vestimenta usada por elas

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:25/10/2013 06:05
Jamila, uma das mulheres retratadas por Paulo Halm: opção pelo Islamismo (Andrea Nestrea/Divulgação)
Jamila, uma das mulheres retratadas por Paulo Halm: opção pelo Islamismo

Em seu segundo longa, Hijab - Mulheres de véu, o diretor carioca Paulo Halm trata de mulheres cariocas que optaram pela religião islâmica, utilizando o véu que cobre boa parte da cabeça. Hijab é a palavra árabe que define proteção, cobertura — e é o termo usado para descrever a vestimenta usada por elas.

A ideia veio de encontros acidentais do diretor com mulheres que utilizavam o hijab no Rio de Janeiro. O fato chamou a atenção pela cidade ser conhecida por pessoas com pouca roupa em todas as ocasiões. Halm tirou dinheiro do bolso para retratar seis mulheres que frequentam a Sociedade Muçulmana no Rio de Janeiro durante cinco meses.

Com exceção de uma menina, cuja família é de origem palestina, todas as mulheres se converteram por identificação com o modo de vida muçulmano e a identificação com o Alcorão.

Confira o trailer do filme

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK

BARES E RESTAURANTES