Brasília-DF,
18/DEZ/2017

Amizade entre o dragão Bangela e o menino Soluço fica estremecida no novo longa

'Como Treinar seu Dragão 2' dá sequência na animação que fez sucesso

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Ricardo Daehn Publicação:20/06/2014 08:00Atualização:19/06/2014 14:54

 (Dream Works/Divulgação)

Para as crianças, excessivamente longo, e, para os adultos, algo por demais infantilizado. Com “coração de líder e alma de dragão” como define quem mais lhe conhece, o jovem cavalheiro Soluço encabeça, cheio de dúvidas, o segundo filme da franquia, conduzido por Dean DeBlois.

Enquanto segue na função de mapear territórios inexplorados, Soluço se percebe deslocado: não é o líder (como espera o pai) nem o pacificador que ele acreditava. Sem “consciência ou misericórdia”, como alerta o pai de Soluço, Drago será o inimigo declarado do reinado que resguarda dragões cheios de segredos.

O roteiro fica guarnecido de contornos de drama grego. Outra coisa divertida é o fato de haver um monstro que, no lugar de fogo, dispara gelo pelas ventas. A ingenuidade de Soluço é outro ponto alto, capaz de ensinamento para os menores.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK

BARES E RESTAURANTES