Brasília-DF,
26/MAI/2017

Festivais de Gramado e de Paulínia anunciam filmes selecionados para 2014

O longa 'Esse viver ninguém me tira', de Caco Ciocler, representará a capital federal na premiação de Gramado

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:02/07/2014 13:28Atualização:02/07/2014 14:48
Alceu Valença é diretor de 'A luneta do tempo' (Helder Tavares/DP/D.A Press (28/10/2009))
Alceu Valença é diretor de 'A luneta do tempo'

Dois dos mais importantes festivais de cinema do país anunciaram os filmes selecionados para 2014. Marcado para o dia 22 e 27 de julho no interior de São Paulo, o 6º Paulínia Festival de cinema anunciou que terá nove longas e oito curtas-metragens e vai distribuir R$ 800 mil em prêmios. Já a 42ª edição do Festival de Cinema de Gramado, que ocorre entre 8 e 16 de agosto, anunciou oito longas para compor a mostra nacional, além de quatro filmes sul-americanos. Este, vai oferecer R$ 275 mil em prêmios.

Festival de Gramado

O longa-metragem A luneta do tempo, do músico Alceu Valença é destaques do 42º Festival de Cinema de Gramado, um dos mais importantes do país. O evento acontece entre os dias 8 e 16 de agosto, em Gramado, na Serra Gaúcha. A mostra competitiva nacional tem 15 curtas e oito longas-metragens.

A trama de A luneta do tempo mostra, a partir de uma perspectiva sertaneja, três gerações de uma mesma família perturbadas pela discórdia entre dois irmãos. O plano da fantasia é representado pela presença de Maria Bonita (Hermila Guedes) e Lampião (Irandhir Santos, em cena na TV como o personagem Zelão na novela Meu pedacinho de chão). O Rei do Cangaço encontra a luneta do tempo, que dá título ao filme e o faz ver o passado, o presente e o futuro.



O festival também contempla filmes latino-americanos, e selecionou cinco longas-metragens da Argentina, Uruguai, Venezuela e Chile. Quanto à seleção de longas nacionais, o curador, Rubens Ewald Filho, afirmou que "este ano, apresentamos a melhor seleção de longas dos últimos anos".

Com a morte do curador José Wilker, o evento modificou o formato da curadoria e agora passa a ter uma representante estrangeira em sua composição. A eleita é a atriz, diretora e produtora argentina Eva Piwowarski.

Veja a lista de selecionados para a mostras competitiva de Gramado:

Longa-metragem nacional
"A despedida" (2014), de Marcelo Galvão (SP)
"A estrada 47" (2014), de Vicente Ferraz (RJ)
"A luneta do tempo" (2014), de Alceu Valença (RJ)
"Esse viver ninguém me tira" (2014), de Caco Ciocler (DF)
"Infância" (2014), de Domingos Oliveira (RJ)
"O segredo dos diamantes" (2014), de Helvécio Ratton (MG)
"Os senhores da guerra" (2014), de Tabajara Ruas (RS)
"Sinfonia da necrópole" (2014), de Juliana Rojas (SP)

Longa-metragem estrangeiro

"Algunos dias sin musica" (2013), de Matías Rojo (Argentina/Brasil)
'El critico" (2014), de Hernán Guerschuny (Argentina)
"El lugar del hijo" (2013), de Manuel Nieto (Uruguai)
"Esclavo de dios" (2013), de Joel Novoa (Venezuela)
"Las analfabetas" (2013), de Moisés Sepúlveda (Chile)

Curta-metragem nacional

"A pequena vendedora de fósforos" (2014), de Kyoko Yamashita (RS)
"Brasil" (2014), de Aly Muritiba (PR)
"Carranca" (2014), de Wallace Nogueira e Marcelo Matos de Oliveira (BA)
"Carta a uma jovem cineasta" (2014), de Luiz Rosemberg Filho (SC)
"Castillo y el armado" (2014), de Pedro Harres (RS)
"Compêndio" (2014), de Eugênio Puppo e Ricardo Carioba (SP)
"Contínuo" (2013), de Carlos Ebert e Odécio Antônio (PB)
"História natural" (2014), de Júlio Cavani (PE)
"La llamada" (2014), de Gustavo Vinagre (SP)
"Max Uber' (2014), de André Amparo (MG)
"O clube" (2014), de Allan Ribeiro (RJ)
"O coração do príncipe" (2014), de Caio Ryuichi Yossimi (SP)
"O que fica" (2014), de Daniella Saba (SP)
"Se essa lua fosse minha" (2013), de Larissa Lewandowski (RS)
"Sem Título #1: Dance of Leitfossil" (2014), de Carlos Adriano (SP)

Mostra Gaúcha

"A pequena vendedora de fósforos" (2014), de Kyoko Yamashita (Porto Alegre)
"Bacon ou rúcula" (2013), de Laércio Leitzke (Porto Alegre)
"Caçador" (2014), de Rafael Duarte e Taísa Ennes (Canoas)
"Casa de Pompas" (2014), de Bruna Fortes e Gabriel Paixão (Pelotas)
"Castillo y el Armado" (2014), de Pedro Harres (Porto Alegre)
"Descompasso" (2014)" de Rodolfo de Castillos Franco (Porto Alegre)
"Domingo de Marta" (2014), de Gabriela Bervian (Porto Alegre)
"Espelhos" (2014), de Diego Tafarel (Santa Cruz do Sul)
"Gildíssima" (2014), de Alexandre Derlam (Porto Alegre)
"Hotel Farrapos" (2014), de Lisandro Santos (Porto Alegre)
"Linda, uma história horrível" (2013), de Bruno Gularte Barreto (Porto Alegre)
"O encontro" (2013), de Fabrício Silva (Porto Alegre)
"O que ficou para trás" (2014), de Pedro Guindani (Porto Alegre)
"O relâmpago e a febre" (2014), de Gilson Vargas (Porto Alegre)
"Os meninos perdidos" (2013), de Giordano Gio (Porto Alegre)
"Servido com candura" (2013), de Tatiane Andréa Enzweiler (São Leopoldo)
"Sioma - O papel da fotografia" (2014), de Karine Emerich e Eneida Serrano (Porto Alegre)



Paulínia Festival de Cinema

A mostra, que ocorre entre 22 e 27 de julho no Theatro Municipal de Paulínia (SP), contará com nove longas e oito curta-metragens inéditos. Entre os diretores brasileiros com filmes escolhidos estão Carolina Jabor, Juliana Rojas e Murilo Salles. O festival recebeu inscrições de 70 longas-metragens e 193 curtas-metragens, totalizando 263 títulos brasileiros. As sessões serão abertas ao público e a entrada será gratuita e sujeita a lotação do teatro.

Além da mostra competitiva, o festival também exibirá uma série de produções internacionais a definir, e apresentará títulos infantis como Amazônia, Meu Pé de Laranja-Lima e O Pequeno Nicolau.

Veja a lista de selecionados para a mostras competitiva de Paulínia:

Longas-metragens

'A Neblina', de Fernanda Machado (Documentário, SP);
'Aprendi a Jogar com Você', de Murilo Salles (Documentário, RJ);
'Boa Sorte', de Carolina Jabor (Ficção, RJ);
'Casa Grande', de Fellipe Barbosa (Ficção, RJ);
'Cássia', de Paulo H. Fontenelle (Documentário, RJ);
'Castanha', de David Pretto (Ficção, RS);
'Infância', de Domingos Oliveira (Ficção, RJ);
'Sangue Azul', de Lírio Ferreira (Ficção, PE);
'Sinfonia da Necrópole', de Juliana Rojas (Ficção, SP);
 

Curtas-metragens

'De Bom Tamanho', de Alex Vidigal
Edifício Tatuapé Mahal, de Carolina Markowicz e Fernanda Salloum
'Jessy', de Paula Lice, Rodrigo Luna e Ronei Jorge
'190', de Germano Pereira
'O Clube', de Allan Ribeiro
'O Bom Comportamento', de Eva Randolph
O Menino Que Sabia Voar, de Douglas Alves Ferreira
'Recordação', de Marcelo Galvão

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK

BARES E RESTAURANTES