Brasília-DF,
16/DEZ/2017

Baseado na obra de Jorge Amado, O duelo estreia na capital

A produção é protagonizada por José Wilker, morto em 2014

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Luiz Prisco Publicação:20/03/2015 06:12
José Wilker, na pele de Chico Pacheco, rouba a cena do longa de Marcos Jorge
 (Reprodução da internet)
José Wilker, na pele de Chico Pacheco, rouba a cena do longa de Marcos Jorge
Toda história tem dois (ou mais) lados. Cabe, então, acreditar naquele que mais convém. Essa convenção social é o pano de fundo do texto de O duelo, do diretor Marcos Jorge (Estômago).

No longa, baseado na obra de Jorge Amado, o comandante Vasco Moscoso (Joaquim de Almeida) chega a Periperi e encanta a todos com histórias de amores e dos sete mares.

Chico Pacheco (José Wilker) desconfia das mirabolantes aventuras e inicia uma guerra que visa desmascarar o suposto charlatão. O embate entre as duas versões representa os altos e baixos da trama.

A estrutura funciona no começo, porém os causos do comandante se repetem (assim como os flashbacks). Em contrapartida, o personagem de José Wilker - graças ao carisma do ator ao viver tipos populares - seduz o espectador, que fica inclinado a acreditar neste lado da história. Fato que, claramente, prejudica o andamento da fita.

O duelo, apesar do ótimo texto, dá uma sensação de que algo saiu do eixo. Falhas de montagem prejudicam os bons diálogos e a empolgante "despedida" (o ator morreu em 2014) de Wilker.

Confira o trailer de O Duelo:

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK

BARES E RESTAURANTES