Brasília-DF,
25/JUN/2017

Drama Não olhe para trás traz Al Pacino no papel de ídolo do rock

A trama retoma os tempos de carreira do personagem após encontrar uma carta

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:17/04/2015 06:03Atualização:16/04/2015 14:30
Al Pacino é um cantor em crise em Não olhe para trás (Imagem Filmes/CB/D.A Press)
Al Pacino é um cantor em crise em Não olhe para trás
Já imaginou Al Pacino como um ídolo do rock? É esse o papel que o ator desempenha em Não olhe para trás, drama que estrela ao lado de Annette Bening e Bobby Cannavale. O problema é que tal ídolo - Danny Collins - vive há 30 anos de sucessos do passado e agora quer voltar às inéditas. O desejo é impulsionado quando ele encontra uma carta deixada para ele por John Lennon elogiando seu trabalho e seu caráter, mas reforçando a necessidade de abrir espaço para a vida pessoal.

Saiba mais...
Danny faz um balanço, revê seus valores e corre atrás de assuntos mal resolvidos, como a relação com o filho que ele nunca reconheceu e que já é um adulto.

Mudança de planos

Al Pacino e Annette Benning não foram os primeiros nomes pensados para estrelar Não olhe para trás. Para o papel dele, a ideia era contar com Steve Carell, mas o projeto passou mais de três anos na geladeira e a parceria com o ator não vingou. Já a personagem de Annette seria vivida por Juliane Moore, que, por problemas de agenda, não aceitou o convite.

 

Confira o trailer de Não olhe para trás:

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK

BARES E RESTAURANTES