Brasília-DF,
27/MAI/2017

Longa nacional Real Beleza estreia nos cinemas da capital

A obra é protagonizada por Adriana Esteves e Vladimir Brichta

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Ricardo Daehn Publicação:07/08/2015 10:30
Adriana Esteves e Vladimir Brichta: relações complicadas de um encontro amoroso (Fabio Rebelo/Casa de Cinema POA)
Adriana Esteves e Vladimir Brichta: relações complicadas de um encontro amoroso
A nova fita assinada por Jorge Furtado tem um quê de O cheiro do ralo, aquele filme em que Selton Mello perdia o sentido por um derrière. Tendo como estandarte a estreante Vitória Strada, a obsessão do enredo de Real beleza é ramificada por amplas paixões: dos livros avolumados em biblioteca a rugas em testas – tudo desemboca em magnitude. “Existem muitas belezas”, decifra um dos personagens.

Contida até em pequenos gestos, a beleza vista por Furtado acata entregas como a de Anita (Adriana Esteves, sempre encantadora), muito consciente do amor pelo marido. No meio deles está Maria (Vitória Strada), a filha que pretende revolver a pacata rotina numa cidade interiorana (que dialoga com a última ficção de Furtado, Saneamento básico – O filme).

Investindo num roteiro simples, no qual um fotógrafo (Vladimir Brichta) pode trazer o passaporte para a felicidade de Maria, aspirante a modelo, o diretor consegue repassar traços acolhedores e maduros.

Relativizar a beleza, entre profundas reflexões de poetas como Sérgio Sampaio, Boccaccio e Molière, é o grande trunfo do filme, capaz até de extrair interessante performance de Francisco Cuoco.

Confira o trailer de Real Beleza:

Tags: celular

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK

BARES E RESTAURANTES