Brasília-DF,
27/JUN/2017

'O vendedor de sonhos' peca por roteiro com pretensão didática e social

Terceiro longa de Jayme Monjardim erra ao levar para as telas o best seller de Augusto Cury

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Ricardo Daehn Publicação:09/12/2016 06:45
César Troncoso interpreta o agitador social Mestre no longa (Warner/Divulgação)
César Troncoso interpreta o agitador social Mestre no longa
O mix é até improvável, mas se materializa no terceiro longa de Jayme Monjardim, O vendedor de sonhos: um teor altruísta disposto nas produções de filmes de temática espiritual se une ao diálogo com o populacho e rasteiro, tão bem representado em comédias rentáveis. No imaginário literário que dá base ao filme (que combina com Paulo Coelho), brotam as linhas do psicologismo de Augusto Cury. Na simploriedade extrema, o roteiro é crivado de pretensão didática e social.
 
Confira as sessões do filme. 
 
Obrigado ao autoconhecimento, Júlio César (Dan Stulbach, que se mantém de pé) tem uma atitude mecânica diante da vida e do jogo de espelhos nos reflexos persistentes dos edifícios em que circula — uma cortesia do bom trabalho do fotógrafo Nonato Estrela. Dono de dramalhão operístico, o agitador social Mestre (César Troncoso, um exemplo de dignidade na fita) se impõe, naturalmente, no comando de um conglomerado de indigentes que massacram o velho aprendizado do peso da aparência frente a ideias. Um mundo tão idealizado quanto irreal.
 

 
Nas entrelinhas, o filme discute o “pódio” dedicado ao capitalismo. Fala ainda da importância atribuída a cada ser humano. Temas caros atochados a fórceps estarem contemplados. Numa linha teatral, o roteiro acopla situações dentro de escritórios lúgubres, velórios, o meio da rua (“Minha casa é o mundo”, justifica o protagonista) e um auditório de tevê no qual, sem o deboche de Chatô — Rei do Brasil, um personagem central será julgado. Ah! No meio desse caos todo, há tentativas de suicídio, uma passagem por sanatório e uma perseguição de carro a mendigos!

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK

BARES E RESTAURANTES