Brasília-DF,
26/FEV/2017

'Passageiros' mostra o amor improvável de um casal no espaço

O longa de Morten Tyldum traz Chris Pratt e Jennifer Lawrence como personagens principais

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Adriana Izel Publicação:06/01/2017 06:58Atualização:05/01/2017 17:37

O trailer de um filme pode denunciar muito sobre a história do longa-metragem. No entanto, no caso de Passageiros, do diretor Morten Tyldum (O jogo da imitação), o que acontece é o contrário. O vídeo vende uma ideia e, ao chegar ao cinema, o espectador recebe outra completamente diferente.
 
Passageiros poderia ser uma clássica ficção científica ao mostrar uma viagem espacial e o impacto da tecnologia e da ciência na vida do ser humano. O filme vai além ao tratar mais da natureza humana pela abordagem da relação entre dois estranhos, Jim (Chris Pratt) e Aurora (Jennifer Lawrence).
 
Os dois largam suas vidas na Terra com destino à colônia Heamstead II, um novo planeta que será povoado pelos cinco mil passageiros e tripulantes da nave Avalon. O trajeto até o novo lar dura 120 anos e, por isso, todos hibernam.
 
Confira as sessões de Passageiros em 2D e 3D.  
 
Jim é um engenheiro em busca de encontrar em Heamstead II uma forma de ser útil, enquanto a escritora e jornalista Aurora pretende ficar um ano, retornar à Terra e escrever um livro sobre a experiência.
 
Essas duas vidas distintas, que poderiam nunca se cruzar no novo planeta, acabam se unindo após uma falha em Avalon, que faz com que a cabine de Jim tenha uma pane e ele acorde 90 anos antes.
 
Ao ser o único acordado na nave, Jim vive o desespero de estar sozinho —  no melhor estilo Náufrago (produção com Tom Hanks). A única companhia de Jim é o robô Arthur (Michael Sheen). Após um ano e três meses sozinho, ele decide acordar Aurora, por quem ele se apaixonou à primeira vista.
 
Jennifer Lawrence e Chris Pratt vivem Aurora e Jim, dois estranhos que se apaixonam no espaço (Sony Pictures/Divulgação)
Jennifer Lawrence e Chris Pratt vivem Aurora e Jim, dois estranhos que se apaixonam no espaço
  
 
Em uma clássica ficção científica, era de se esperar que o casal passasse o restante do filme em busca de descobrir o que causou panes na Avalon, o que até é feito em certa parte da produção. No entanto, é a relação entre Jim e Aurora que dá tom ao filme. O improvável casal convence nas carismáticas atuações de Chris Pratt e Jennifer Lawrence, atuais queridinhos do cinema hollywoodiano, e é difícil não torcer pelo final feliz de Jim e Aurora, principalmente após a reviravolta (óbvia) de que a personagem de Lawrence descobre o motivo de ter sido acordada.
 
Apesar dos ares de ficção científica, Passageiros não passa de um romance. Mas dos mais divertidos, com um visual de tirar o fôlego, atores carismáticos e um final feliz, para deixar de ser comparado com Titanic.

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK

BARES E RESTAURANTES