Brasília-DF,
28/MAR/2017

'Sete minutos depois da meia-noite' leva suspense às telonas

Inspirado na obra de Patrick Ness, o filme mostra a atormentada pré-adolescência de Cornor, que já vive os maus tratos em casa e na escola

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:06/01/2017 06:59Atualização:05/01/2017 17:08
Cornor sofre o impacto da doença da mãe e a ausência do pai: uma vida perturbada (Diamond Filmes/Divulgação)
Cornor sofre o impacto da doença da mãe e a ausência do pai: uma vida perturbada
Dirigido pelo espanhol J.A. Bayona (O orfanato), Sete minutos depois da meia-noite é inspirado na obra literária de Patrick Ness. Com uma atmosfera de suspense e intensa pesquisa geográfica e ambiental para deixar os cenários o mais próximo possível do real, o enredo conta a história de Cornor (Lewis MacDougall), um menino de 12 anos.
 
A vida do pré-adolescente não é fácil. Ele tem um pai ausente, uma mãe com câncer em fase terminal, uma avó megera e é vítima de maus-tratos na escola. À noite, o garoto ainda é atormentado por uma criatura em forma de árvore. O monstro se oferece para contar histórias, em troca de escutar as histórias de Cornor.
 
Veja os horários de Sete minutos depois da meia-noite.
 
Produtora da fita, Margarita Huguet pesquisou o norte da Inglaterra para buscar locações que tivessem a dramaticidade evocada pela história, incluindo a colina em que se encontra a estrondosa copa da árvore, próxima a uma igreja e a um cemitério.

“Cenário e figurino estavam perfeitos. Eu fiquei maravilhada: todas as pequenas nuances estavam lá, refletindo como a minha personagem vestiria, sem preocupações materialistas”, declarou Felicity Jones, intérprete da mãedo protagonista.
 
 

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK

BARES E RESTAURANTES