Brasília-DF,
18/JAN/2019

Mary Poppins está de volta com mensagem de positividade e esperança

'O retorno de Mary Poppins' estreia nos cinemas brasileiros

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Ricardo Daehn Publicação:21/12/2018 06:00Atualização:20/12/2018 10:13

Adaptação da Disney tem quatro indicações ao Globo de ouro (Walt Disney Pictures/Divulgação)
Adaptação da Disney tem quatro indicações ao Globo de ouro

 

Mais de 80 anos se passaram desde a escrita das primeiras linhas em que a australiana P.L. Travers (morta em 1996) defendeu a fluência de otimismo diante da pesada carga de fracasso decorrente da Grande Depressão mundo afora. Adaptada para a telona em 1964, a versão clássica de Mary Poppins obteve 13 indicações ao prêmio Oscar e acabou faturando cinco estatuetas da Academia. O retorno de Mary Poppins, por enquanto, já galgou quatro indicações na escala do Globo de Ouro.

 

Com o encargo de substituir a leveza e a positividade impressa em Poppins pela vencedora do Oscar de melhor atriz, Julie Andrews, Emily Blunt encabeça O retorno de Mary Poppins, sob a emblemática qualidade da Walt Disney. Rob Marshall assina o novo filme e Colin Firth interpreta Sr. Wilkins, um endinheirado de dúbio comportamento. Meryl Streep vive Topsy, uma excêntrica prima de Poppins, e Julie Walters se encarrega de encarnar a governanta Ellen.

 

Confira as sessões 

 

Na linha de frente, entretanto, estão os três filhos do preocupado Michael Banks (Ben Wishaw), que dinamizam, em aventuras ao lado de Poppins e do festivo Jack (Lin-Manuel Miranda). Injetar esperança nas pessoas assoberbadas de insegurança, numa escala mundial, está entre os assumidos desejos do diretor Rob Marshall, preocupado com a perda de encantamento no cotidiano do século 21.

 

Autor do musical Caminhos da floresta (2014), Marshall tem sempre em mente que Mary Poppins foi o primeiro filme que o despertou, ainda criança, para a estrada de amor aos musicais. Entre as personagens coadjuvantes de O retorno de Mary Poppins, destaques vão para Angela Lansbury, à frente do papel da intrigante Senhora dos Balões, sempre a postos para destilar sabedoria, e Jane (Emily Mortimer), a filha de sufragista (e irmã de Michael) que adota como causa a defesa do direito de muitos trabalhadores. No exame da música original, atenção para Marc Shaiman, autor de sucessos ouvidos no filme Hairspray

 

 

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK

BARES E RESTAURANTES