Brasília-DF,
17/NOV/2019

'Uglydols' debate representatividade em animação para todas as idades

A mensagem é passada por meio dos cenários, dos diálogos e de números musicais, tanto para o público mirim quanto para os mais velhos

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Correio Braziliense Publicação:17/05/2019 06:06Atualização:16/05/2019 19:06
'Uglydolls' trata de assuntos de gente grande para o público infantil (Diamond Films/Divulgação)
'Uglydolls' trata de assuntos de gente grande para o público infantil
 
 
Vez ou outra, as animações invadem o terreno adulto e tratam de temas mais perto do universo dos crescidinhos, como em Divertida Mente e Coco — A vida é uma festa. É o que acontece em Uglydolls, longa que chega nesta semana às telas brasilienses.

Na trama, os bonecos Moxy, Wage, Babo, Ice-Bat e Wedgehead — grupo batizado com o nome do filme — estão fora dos padrões de beleza vigentes. Em busca de serem amados como qualquer outro boneco, eles procuram o Instituto da Perfeição.

Está aberta a porta para que Uglydolls discuta representatividade, termo tão em voga que precisa ser apresentado ao público mirim. A mensagem é passada de várias formas, por meio dos cenários, dos diálogos e de números musicais.
 
Clique aqui e confira as sessões 
 
 
 

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK

BARES E RESTAURANTES