Brasília-DF,
25/AGO/2019

Romance de risco no novo filme africano 'Rafiki'

O filme traz a relação entre as amigas de infância Kena e Ziki

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Publicação:09/08/2019 06:00Atualização:08/08/2019 19:00
Nuances de uma história de amor peculiar está no enredo de Rafiki (Olhar Distribuição/Divulgação)
Nuances de uma história de amor peculiar está no enredo de Rafiki


A modernidade dos relacionamentos presente nos cinemas também se encontra no filme africano Rafiki, de Wanuri Kahiu. A fita traz a relação entre as jovens Kena e Ziki. Amigas desde criança, as meninas cresceram juntas e conviveram com a rivalidade política existente entre as famílias.

Com o passar do tempo e com o amadurecimento à vista, as mulheres se apaixonam. A relação, que outrora era de amizade, torna-se um romance perigoso. A questão turbulenta existente em Rafiki se dá por conta da violência e da distância cultural existente entre as comunidades conservadoras em que vivem.
 
 

Apesar da amizade e do amor, o casal tem a difícil decisão de escolher se permanece junto e correndo risco de morte ou se escolhe a paz e segurança de uma vida nada romântica, longe da grande paixão.
 
Confira as sessões de Rafiki aqui  



COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK

BARES E RESTAURANTES