Brasília-DF,
13/DEZ/2019

Live action do desenho animado 'Dora, a aventureira' estreia nos cinemas

Filme 'Dora e a cidade perdida' mostra um tom maior de seriedade na trama

Diminuir Fonte Aumentar Fonte Imprimir Corrigir Notícia Enviar
Correio Braziliense Publicação:15/11/2019 06:00Atualização:14/11/2019 21:21
'Dora e a cidade perdida' respeita o amadurecimento do público (Paramount Pictures/Divulgação)
'Dora e a cidade perdida' respeita o amadurecimento do público


O filme Dora e a cidade perdida, de James Bobin, traz um enredo muito parecido com o que era exibido nos episódios do desenho animado Dora, a aventureira – que tinha a função de instruir e divertir a criançada no canal norte-americano Nickelodeon. Com um tom maior de seriedade e utilização de seres humanos nas cenas, a produção ganha em realidade e se torna mais fidedigno.
 
 
Ambientado na floresta peruana, o filme traz as aventuras de Dora, que está sempre acompanhada do macaco Botas, de uma mochila falante, dos amigos da escola e de um explorador misterioso. A missão desta trupe é salvar os pais de Dora de um grupo de mercenários e desvendar os segredos que envolvem Paratapa, uma cidade perdida da civilização Inca.

O longa, que se passa 10 anos após a animação, conta com cenas de um humor mais adolescente, personagens consolidados na cultura popular e mantém as origens do desenho quando o assunto é a resolução de problemas.
 
 

COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.

CINEMA

TODOS OS FILMES [+]

EVENTOS






OK

BARES E RESTAURANTES